Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Lamborghini recria primeira unidade do Countach destruída há quase 50 anos

Após o pedido de um cliente para o centro de modelos clássicos da empresa em 2017, a unidade do protótipo do Countach LP 500 finalmente está pronta

Por Pedro Henrique Oliveira 1 out 2021, 17h23
Lamborghini Countach LP 500 1971 amarelo visto 3/4 de frente
O protótipo do Countach original de 1971 é considerado uma relíquia por ter sido destruído em um teste de colisão em 1974 Divulgação/Lamborghini

Em 2021 a Lamborghini comemora 50 anos do lançamento do primeiro Countach, um esportivo que marcou época e inspirou diversos modelos. Para celebrar a data, a empresa o recriou na forma do Countach  LPI 800-4 um superesportivo moderno, baseado no Aventador e com mecânica híbrida que rende 814 cv

Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 8,90

As comemorações continuam. A empresa italiana não achou o suficiente lançar um nova edição limitada a 112 unidades, então resolveu recriar um de seus carros mais importantes. Simplesmente recriaram o primeiro protótipo do Countach original, de 1971, um carro que acabou destruído em 1974 em um teste de colisão e nunca mais foi visto. 

Lamborghini Countach LPI 800-4 branco visto 3/4 de frente
Em comemoração aos 50 anos do modelo, a Lamborghini lançou uma nova versão híbrida chamada LPI 800-4 Divulgação/Lamborghini

A réplica da primeira versão do esportivo clássico foi entregue a um cliente da marca que não foi identificado. A Lamborghini apenas afirmou que se trata de um aficionado por carros clássicos, como é o caso deste Countach. 

Roda do Lamborghini Countach LP 500 1971
Apenas para definir as linhas do design do esportivo foram necessárias cerca de 2.000 horas de trabalho Pirelli/Divulgação

O cliente misterioso pediu, ainda em 2017, uma unidade do protótipo LP 500 do esportivo construída totalmente do zero para o Polo Storico, o departamento da marca direcionado aos clássicos. 

Continua após a publicidade

Lamborghini Countach LP 500 1971 amarelo visto de lado
O esportivo clássico foi construído do zero e, de acordo com a marca, levou 25 mil horas para ficar pronto Divulgação/Lamborghini

O fato do carro ter sido destruído dificultou o trabalho de fabricação já que, sem a presença de um modelo para utilizar como base, os funcionários da Lamborghini foram obrigados a pesquisar todas as informações disponíveis em documentos, fotos e desenhos originais. Ao todo foram quase 2.000 horas apenas para redesenhar as linhas gerais do modelo. 

Lamborghini Countach 25º prata visto 3/4 de frente
Em 1988, para comemorar os 25 anos de atividade da Lamborghini, a marca lançou o Countach 25º Divulgação/Lamborghini

A produção começou com o chassi, diferente do tubular que o Countach original usava, e seguiu-se com a carroceria. Foram utilizadas peças de reposição dos anos 70 restauradas pela empresa, incluindo o motor V12 central. 

Pneu Cinturato CN12 do Lamborghini Countach LP 500 1971
Até os pneus originais do modelo foram redesenhados em parceria com a Fondazione Pirelli Pirelli/Divulgação

Os detalhes não param por aí. Até o jogo de pneus Cinturato CN12 foi recriado com a ajuda da Fondazione Pirelli. Apesar do visual e da estética antiga, eles utilizam tecnologia moderna em sua composição. Por último, mas não menos importante, o modelo recebeu a cor “Giallo Fly Speciale”. O projeto consumiu 25.000 horas de trabalho. 

Lamborghini Countach LP 500 1971 amarelo visto 3/4 de frente
O cliente, assim como o valor, não foi revelado pela Lamborghini Divulgação/Lamborghini

O presidente e CEO da Lamborghini, Stephan Winkelmann, se mostrou contente com o trabalho entregue, principalmente em um ano de comemoração aos 50 anos de existência do clássico esportivo da marca. “É algo extraordinário (entregar o projeto) porque nos permite admirar o lendário LP 500 de 1971 pessoalmente pela primeira vez em muitos anos”, explicou o executivo.

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital

CAPA quatro rodas setembro edição 749
A edição 749 de QUATRO RODAS já está nas bancas! arte/Quatro Rodas
Continua após a publicidade

Publicidade