Jeep Renegade chega por R$ 69.900

Futura versão de entrada custará R$ 66.900

mercado mercado

mercado (/)

Depois de meses de mistério, a Jeep, enfim, revelou os detalhes do Renegade. Apresentado com estardalhaço no último Salão do Automóvel de São Paulo, realizado no fim de 2014, o carro promete esquentar a briga no segmento de SUVs compactos, atualmente dominado por Ford EcoSport e Renault Duster.

Assim como o Honda HR-V – outra novidade revelada recentemente -, o Renegade dá um toque de refinamento à categoria. O modelo será vendido nas versões Sport, Longitude e Trailhawk, com duas opções de motorização (1.8 e.TorQ Flex, de origem Fiat, e a inédita 2.0 turbodiesel de 170 cv e 35 mkgf de torque), dois tipos de tração (dianteira e 4×4) , supensão independente nas quatro rodas e três opções de transmissão: manual de cinco marchas, automática de seis velocidades e automática de nove velocidades – esta última acoplada exclusivamente aos motores diesel.

O Renegade vem bem-equipado desde a versão de entrada Sport, com itens como ar-condicionado, direção elétrica, freio de estacionamento elétrico, vidros e travas elétricas nas quatro portas, controles de estabilidade e de tração e rodas de liga leve de 16 polegadas, faróis de neblina, sistema de áudio com Bluetooth, além dos obrigatórios airbag duplo e freios ABS nas quatro rodas. Esta configuração começa em R$ 69.900 na versão 1.8 manual, variando entre R$ 75.900 (1.8 Flex automático) e R$ 99.900 (2.0 diesel). No entanto, a primeira, considerada a versão de entrada, será lançada num futuro breve.

A opção Longitude será vendida apenas com câmbio automático, acrescentando barras longitudinais no teto e detalhes na cor da carroceria. Seus preços variam entre R$ 80.900 na versão 1.8 flex e R$ 109.990 no caso da 2.0 turbodiesel 4×4.

A Trailhawk é a versão indicada para quem pretende utilizá-lo no fora-de-estrada. Além de trazer maior altura livre do solo e maiores ângulos de entrada e saída, o carro tem ganchos para rebocá-lo em atoleiros. Oferecido exclusivamente na motorização 2.0 a diesel com transmissão automática, ele será vendido por R$ 116.990

Segundo a Jeep, o modelo, que é o primeiro carro nacional com assistência de estacionamento, passou por 8 milhões de km em testes de engenharia e durabilidade e também conta com sistema de tração Selec-Terrain, com ajustes para lama, neve, pedras e areia. A marca ressalta também que, dependendo da configuração escolhida, estão inclusos itens, como detector de pontos cegos, câmera de ré, sete airbags, sistema de som Beats (com nove alto-falantes um amplificador e um subwolfer).

O Renegade já está sendo produzido na nova planta do grupo FCA em Goiana (PE), de onde sairão outros modelos no futuro além do SUV compacto. A capacidade produtiva da fábrica, aliás, foi ampliada para até 250 mil unidades por ano. Com 120 revendas já inauguradas, a rede Jeep pretende chegar a 200 pontos de venda até o fim do ano, atuando em 90 municípios em todas as regiões do Brasil. Algumas concessionárias venderão apenas modelos Jeep, sendo que apenas uma delas (localizada na Avenida Europa, em São Paulo) não contará com oficina.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s