Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Hyundai inicia fabricação do novo Creta e revela mais detalhes do SUV

Primeiras unidades de série terão uso em eventos de divulgação. Vendas começam no final de 2021

Por Eduardo Passos Atualizado em 19 ago 2021, 12h55 - Publicado em 19 ago 2021, 12h46
Quentinho, direto do forno, o novo Hyundai Creta brasileiro
Quentinho, direto do forno, o novo Hyundai Creta brasileiro Divulgação/Hyundai

A Hyundai iniciou a produção do novo Creta na fábrica de Piracicaba (SP), informou o CEO da filial sul-americana, Ken Ramirez. O “momento maravilhoso”, nas palavras de Ramirez, marca a iminência do SUV coreano ser lançado no Brasil, ao final de agosto.

Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 8,90

Isso não significa, entretanto, que o Creta estará à venda já em setembro, pois a cota inicial será dedicada a ações de marketing, imprensa e exibição nas concessionárias brasileiras da Hyundai, cujos executivos tietaram as primeiras unidades. “O modelo tem sua comercialização prevista mais para o fim deste ano”, explicou a montadora.

É óbvio que a Hyundai apostaria alto em sua cria, mas as expectativas são baseadas em mecânica aprimorada, design exclusivo e muita tecnologia, principalmente. O novo Hyundai Creta terá sistema de frenagem autônoma, assistente de permanência em faixa e controle de velocidade adaptativo, entre outros recursos que ainda serão anunciados. Também haverá sincronização via nuvem, através do aplicativo Hyundai Bluelink.

“Já o interior do veículo contará com acabamento exclusivo para o Brasil, em tons de bege e marrom, e o teto solar panorâmico, que traz uma das maiores áreas envidraçadas do segmento”, detalhou a fabricante, que instalou uma grande tela de 10,25’’ como central multimídia e ainda usará outra de 7’’ como quadro de instrumentos. 

Autógrafos do novo Creta só não ocorreram por falta de polegar opositor. A marcação dos
Autógrafos do novo Creta só não ocorreram por falta de polegar opositor. A marcação dos “fãs” foi pesada na linha de Piracicaba (SP) Divulgação/Hyundai
Continua após a publicidade

O Creta brasileiro terá também freio de estacionamento eletrônico, borboletas no volante e câmeras que projetam pontos cegos do retrovisor no painel. A útil função é oriunda de modelos como o Hyundai Tucson, do qual o Creta, futuramente, também herdará a grade frontal.

creta 2022
Quadro de instrumentos exibirá imagem de câmera instalada no retrovisor direito Reprodução/Hyundai

A Hyundai ainda faz mistério até sobre o conjunto mecânico do SUV nacional, mas dados obtidos por QUATRO RODAS revelam que o motor 2.0 (166cv/ 20,5 kgfm) será mantido nos modelos mais caros, ao passo que versões de entrada serão equipadas com o mesmo 1.0 turbo GDI (120 cv/17,5 kgfm) do HB20 2022, em substituição ao 1.6 (130 cv/ 16,5 kgfm).

Hyundai Creta 2022 flagra
Traseira segue o mesmo estilo do modelo que será lançado na Rússia @carsbysfs/Instagram

São 14 versões homologadas no Brasil, mas é improvável que todas sejam lançadas. Seguindo a estratégia do México, haveria quatro possibilidades para a versão de topo: Exclusive, Limited, Platinum ou Ultimate.

Central multimídia do novo Hyundai Creta
Central multimídia do novo Hyundai Creta deverá ser recordista de tamanho entre os SUVs compactos Divulgação/Hyundai

Ao mesmo tempo, as três versões inferiores corresponderiam a opções como Absolut, Comfort, Dynamic, Icon, Innova, Limited, Master, Sensation, Style e Tech.

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

Edição de julho
A edição 747 de QUATRO RODAS já está nas bancas! Quatro Rodas/Quatro Rodas
Continua após a publicidade

Publicidade