Hyundai Elantra sai de linha no Brasil após vender 82 unidades em 2019

Sedã médio era importado da Coreia do Sul desde 2011. Importadora diz que voltará a vendê-lo no país, mas sem informar prazos

Sedã ganhou nova grade e linhas mais suaves Elantra sequer chegou a sair da penúltima geração no Brasil

Elantra sequer chegou a sair da penúltima geração no Brasil (Christian Castanho/Quatro Rodas)

O Hyundai Elantra, sedã médio lançado no Brasil em 2011 e vendido pela Caoa, importadora oficial da marca coreana no país, saiu de linha.

Portando um motor 2.0 flex de 167 cv (antes, chegou a oferecer uma opção 1.8), o modelo nunca emplacou como ameaça real a rivais como Toyota Corolla e Honda Civic por aqui.

Elantra chegou ao país com este visual e opções de motor 1.8 e 2.0

Elantra chegou ao país com este visual e opções de motor 1.8 e 2.0 (Divulgação/Hyundai)

No começo de sua trajetória, até conseguiu um desempenho razoável – teve 7.973 unidades vendidas em 2012, atingindo o oitavo lugar em seu segmento – mas com o passar dos anos as vendas foram minguando.

Até que, em 2019, parcas 82 unidades foram comercializadas, todas de penúltima geração. No mercado de usados, o ano-modelo mais recente que se encontra do modelo é 2018.

Elantra com visual novo foi mostrado no Salão de SP 2018, mas não chegou a ser vendido no país

Elantra com visual novo foi mostrado no Salão de SP 2018, mas não chegou a ser vendido no país (Divulgação/Hyundai)

O fraco desempenho então forçou a Hyundai a cessar as importações. A mais nova geração do modelo, apresentada no Salão do Automóvel de São Paulo de 2018, sequer foi lançada.

O modelo já não é encontrado no site oficial da Hyundai Caoa, assim como foi retirado da tabela de preços enviada pela representante em janeiro aos concessionários.

Único sedã produzido pela Hyundai no Brasil, o novo HB20S recebeu traseira parecida com a do novo Elantra

Único sedã produzido pela Hyundai no Brasil, o novo HB20S recebeu traseira parecida com a do novo Elantra (Fernando Pires e Fabio Gonzalez/Quatro Rodas)

Deste modo, a Hyundai passa a contar apenas com HB20S e Azera no mercado dos sedãs.

O primeiro acabou de receber uma profunda atualização, com produção nacional feita pela HMB na fábrica de Piracicaba (SP). Curiosamente, seu visual é inspirado justamente na mais nova geração do Elantra, especialmente na parte traseira.

Já o Azera vem importado da Coreia do Sul – assim como era o finado Elantra – e por aqui é oferecido em versão única a R$ 269.900.

Consultado, o grupo Caoa, importador da Hyundai no país, informou que a saída é “momentânea” e que decidiu tirar o modelo do catálogo porque “há uma quantidade muito baixa de unidades em estoque”.

A empresa afirma que tem intenção de trazer um lote da nova geração do modelo, mas que “ainda não há definição” sobre a sua chegada de um novo lote.

Confira o desempenho das vendas do Hyundai Elantra desde 2012, primeiro ano completo do modelo no mercado brasileiro:

Ano Unidades vendidas
2012 7.973
2013 4.197
2014 3.518
2015 2.673
2016 936
2017 1.921
2018 1.072
2019 82

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s