Clique e assine por apenas 6,90/mês

Ferrari Roma é um esportivo italiano com cara de inglês

Novo modelo tem 620 cavalos de potência e atinge os 100 km/h em 3,2 segundos

Por Daniel Telles - Atualizado em 14 nov 2019, 12h16 - Publicado em 14 nov 2019, 12h15
Divulgação/Ferrari

A Ferrari apresentou ontem (13), na Itália, seu novo modelo. Batizado de Roma, o carro é um cupê, para dois passageiros, com motor posicionado na posição central-dianteira.

Segundo a fabricante italiana, o novo carro “representa o estilo de vida da Roma dos anos 1950 e 1960”. Entretanto, os traços fazem lembrar muito os esportivos ingleses da Aston Martin e McLaren.

Caimento da traseira e 4 saídas de escapamento dão esportividade ao modelo Divulgação/Ferrari

A dianteira traz uma grade um tanto “retrô”, que aparece sobre um divisor e rodeada pelos faróis que têm luzes de posição diurnas flutuantes.

Na traseira, a carroceria tem uma queda acentuada e o para-brisas é quase em formato trapezoidal. O para-choque preto com 4 saídas de escape confere boa dose de esportividade ao modelo.

Continua após a publicidade
Interior é luxuoso e repleto de tecnologia; seletor de marchas é exclusivo da Ferrari Divulgação/Ferrari

O motor é o V8 biturbo, da família de motores que conquistou o prêmio de melhor do mundo nos últimos 4 anos, capaz de gerar 620 cavalos de potência a 7.500 rpm. Acoplado a ele vem o novo câmbio automatizado de dupla embreagem de 8 marchas.

Famosa Praça de Espanha foi um dos cenários de Roma escolhidos para as fotos de divulgação Divulgação/Ferrari

Segundo a Ferrari, o Roma atinge os 100 km/h em 3,4 segundos e tem velocidade máxima de 320 km/h.

No interior, de alta tecnologia e revestido com couro e Alcantara, o passageiro carona tem um sistema de entretenimento à parte, com uma tela exclusiva para si.

 

Publicidade