Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Concessionárias não aceitam mais encomendas pelo HR-V

Versão EXL, de topo de linha, é a que tem menor disponibilidade

Por Cadu Tupy e Rodrigo Furlan Atualizado em 9 nov 2016, 14h30 - Publicado em 27 Maio 2015, 16h16
impressoes

Recentemente, falamos sobre os longos prazos de previsão de entrega do HR-V em São Paulo. Agora, QUATRO RODAS voltou a campo e constatou: algumas concessionárias da Honda não estão mais aceitando encomendas pelo utilitário esportivo, devido à altíssima demanda pelo modelo.

As situações mais críticas envolvem a versão de topo de linha, EXL, única a contar com um sofisticado sistema multimídia com tela capacitiva. Das seis lojas consultadas pela reportagem, três não têm disponibilidade dessa configuração. De acordo com uma loja da Honda situada no Brooklin, o fornecedor desse dispositivo está tendo problemas para suprir os pedidos.

Leia também: Concessionárias ainda registram alta demanda pelo Fit

O reflexo disso já é perceptível em outras unidades. Numa concessionária da Vila Guilherme, fomos informados que o prazo de entrega da versão de entrada é de 90 dias; da versão intermediária, 180 dias; e da versão de topo… não há! No caso de uma loja em Moema, as encomendas pelo HR-V EXL estão sendo aceitas, mas com prazo de entrega de incríveis seis meses.

Além disso, uma rede de lojas da zona leste, com unidades no Jardim Anália Franco e na Mooca, cessou as encomendas de todas as versões do HR-V. O motivo: todos os exemplares disponíveis até o dia 30 de setembro já foram negociados.

Outra situação curiosa diz respeito às cores do utilitário esportivo. Numa loja situada no Morumbi, a projeção de entrega é para o mês de setembro, mas três tons não estão disponíveis: preto, vermelho e marrom. O mesmo se aplica a uma concessionária da região do Ibirapuera.

Continua após a publicidade

Publicidade