Clique e assine por apenas 8,90/mês

Chrysler: tecnologia corta custos

Novo sistema tridimensional para projetar fábricas permite agilidade e gastos reduzidos

Por Márcio Murta - Atualizado em 9 nov 2016, 11h59 - Publicado em 6 ago 2012, 21h00
fabricantes

A Chrysler passou a usar sistemas digitais 3D altamente avançados para projetar suas novas fábricas e maquinários, divulgou nesta segunda-feira (6) o informativo Automotive News. De acordo com a notícia, Brian Harlow, chefe de produção de sistema motriz da empresa, informou que a tecnologia avançada permitiu com que o Grupo economizasse alguns meses e cerca de 13 milhões de dólares (26,2 milhões de reais) somente dirante a modernização de sua fábrica de câmbios em Kokomo (EUA).

O aprimoramento da fábrica de Kokomo, segundo o Automotive News, visa a produzir dois novos câmbios automáticos, ambos patenteados pela marca alemã ZF. A primeira transmissão será de oito marchas e equipará os veículos da linha RAM em setembro, enquanto a segunda caixa de transmissão terá nove velocidade e está com o lançamento agendado para 2013.

Segundo a notícia, Harlow formou que os engenheiros da marca utilizavam até então, para projetar uma fábrica, um sistema digital de apenas duas dimensões, cuja precisão era baixa. Agora, a nova tecnologia tridimensional pode replicar em escala real cada equipamento a ser instalado na fábrica, permitindo boa precisão na linha de montagem.

Publicidade