Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Chevrolet Equinox Premier 2021 com motor 1.5 estreia mais caro que o 2.0

Versão mais cara com motor 1.5 turbo de 172 cv teve aumento de R$ 10.100 no preço, suficiente para superar a mesma versão com motor de 262 cv

Por Henrique Rodriguez 8 abr 2021, 19h22
Chevrolet equinox 2021
Divulgação/Chevrolet

A Chevrolet anunciou a chegada do Equinox 2021 no final de março. Com a mudança, o modelo teve o número de versões reduzido de quatro para apenas uma, a Premier 1.5 turbo com tração 4×4. O preço só foi revelado agora: R$ 189.900.

Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 7,90

Na prática, custa mais caro que a antiga versão topo de linha, o Equinox Premier 2.0 turbo com tração 4×4, tabelado em R$ 189.140. Ainda é possível encontrar unidades remanescentes no estoque das concessionárias brasileiras, bem como a própria versão Premier 1.5 turbo 2020 a R$ 179.800 e a antiga versão de entrada LT 1.5 turbo (R$ 150.740).

  • Chevrolet equinox 2021
    Divulgação/Chevrolet

    Se o motor 2.0 turbo herdado da versão básica do Camaro, rende o de 262 cv e 37 kgfm e é combinado com câmbio automático de nove marchas, o 1.5 Ecotec com turbo e injeção direta gera 172 cv e 27,8 kgfm e tem sua força comandada pelo câmbio automático de seis marchas.

    Chevrolet equinox 2021
    Divulgação/Chevrolet

    O Chevrolet Equinox Premier 1.5 turbo ficou exatos R$ 10.100 mais caro e a única justificativa para isso é a variação cambial. Não há novidades entre os equipamentos, só a cor Branco Abalone – as outras opções são: Preto Global e Prata Switchblade.

    Continua após a publicidade
    Chevrolet equinox 2021
    Divulgação/Chevrolet

    De série, o Equinox Premier 2021 tem faróis de xenônio, rodas de 18 polegadas, controles de estabilidade e tração, sensor de estacionamento dianteiro e traseiro, Isofix, airbag duplo, laterais e de cortina, assistente de partida em rampa, câmera de ré, ar-condicionado de duas zonas, chave presencial, central multimídia de 8 polegadas integrado com Android Auto e Apple CarPlay.

    Chevrolet equinox 2021
    Divulgação/Chevrolet

    Também entra na lista teto solar, assistente de permanência na faixa, sensor de ponto cego, alerta de colisão e movimentação traseira, alerta de esquecimento de criança no banco traseiro, abertura do porta-malas por sensor de movimento e sistema de som premium Bose.

    Segmento desencontrado

    Na prática, o Chevrolet Equinox 1.5 se escora no fato de ser um dos poucos SUVs médios com tração 4×4. É uma alternativa mais barata ao Volkswagen Tiguan R-Line com motor 2.0 TSI e tração integral, de R$ 224.650 e também ao esquecido Honda CR-V 1.5 AWD, que custa R$ 239.900. 

    Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

    capa 743

    Continua após a publicidade
    Publicidade