Clique e Assine QAUTRO RODAS por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Caminhão elétrico da Tesla fará estreia em dezembro entregando Pepsi

O caminhão elétrico foi anunciado em 2017 e teve atraso devido à falta de componentes; confirmação da produção veio do próprio Elon Musk

Por João Vitor Ferreira
Atualizado em 8 out 2022, 11h09 - Publicado em 7 out 2022, 18h53

Depois do anúncio feito em 2017, finalmente o caminhão elétrico Tesla Semi vai entrar nas linhas de produção. O projeto foi adiado diversas vezes, devido a falta de componentes, mas está confirmado para esse ano e a Pepsi será a primeira empresa a receber os modelos.

O anúncio foi feito pelo próprio Elon Musk, CEO da Tesla, em sua conta no Twitter, na última quinta-feira. Em outro tuíte, Musk também confirmou que os caminhões terão mesmo 804 km de autonomia, a mesma divulgada em 2017.

tesla semi
Sem carga o caminhão faz de 0 a 96 km/h em 5 segundos (Divulgação/Tesla)

Mas essa foi a única confirmação dos números do caminhão feita pela empresa. Por enquanto, seguimos com as informações divulgadas nos últimos anos. Sabemos que o Semi será impulsionado por quatro motores elétricos que devem superar os 1.000 cv de potência combinada, e que virá equipado com o sistema Autopilot, que pode guiar o veículo sozinho em estradas.

O tempo de 0 a 100 km/h é feito em 20 segundos com a capacidade máxima de 36 toneladas. Em trechos com 5% de inclinação o Semi pode manter 96 km/h contra apenas 72 km/h, em média, dos modelos a diesel.

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade
tesla semi
Custo por milha (1,6 km) de um Semi é de US$ 1,26 (Divulgação/Tesla)

Outro detalhe interessante e um dos principais responsáveis pelos seus 804 km de alcance é o coeficiente aerodinâmico, de apenas 0,36. Porém, em 2021, um modelo de testes foi visto com retrovisores tradicionais, que não existiam no projeto inicial de 2017 e que podem aumentar um pouco esse número. Naquela época a Tesla informou que as imagens seriam exibidas em telas no interior da cabine.

Já a recarga promete ser rápida, garantindo 640 km em apenas 30 minutos. Para isso, é necessário usar os “megacarregadores”, como a Tesla chama, que superam os 120 kW potência.

Continua após a publicidade

A sustentabilidade foi um dos motivos que levaram a PepsiCo a encomendar 100 caminhões lá em 2017. Atualmente, a Pepsi informa que 10% de suas emissões são causadas pelo setor de transporte.

As duas telas de 15 polegadas equipam o painel do Semi
As duas telas de 15 polegadas equipam o painel do Semi. Cabine terá altura de 1,98 m (Divulgação/Tesla)

 A empresa, responsável por marcas como Pepsi e Elma Chips, será a primeira a receber os caminhões Semi, que devem começar a ser entregues no dia primeiro de dezembro, mas não se sabe quantos veículos a Tesla pretende produzir esse ano.

Continua após a publicidade

Cada caminhão Semi têm o custo de U$ 180.000, mas com os subsídios do governo americano esse preço deve cair para os U$ 140.000, equivalente a R$ 728.000 na cotação atual.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Quatro Rodas impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 14,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.