BMW X2: o irmão descolado do X1 chega ao Brasil em 2018

Com medidas menores e visual mais esportivo em relação ao X1, o modelo repetirá a estratégia familiar dos grandalhões X6 e X5

Dianteira agressiva marca o estilo diferenciado do X2

Dianteira agressiva marca o estilo diferenciado do X2 (Divulgação/BMW)

Símbolo da multiplicação na matemática, a letra X tem seguido a regra na linha BMW: desde o lançamento do X5, em 1999, a gama de SUVs da marca se multiplicou com X1, X3, X4 e X6.

Mas a conta não acabou e o X2 acaba de ser revelado oficialmente após seu conceito homônimo rodar o mundo (com direito a uma visita ao Brasil) no último ano. Gostou? Então pode comemorar.

O X2 está confirmado para chegar ao Brasil no primeiro semestre de 2018.

A traseira, com lanternas estreitas e longas, em nada lembra a do também novo X3

A traseira, com lanternas estreitas e longas, em nada lembra a do também novo X3 (Divulgação/BMW)

Antes de mais nada, vale explicar o posicionamento do modelo na linha BMW. Assim como os demais modelos de números pares (X4 e X6), o X2 chega como uma opção mais descolada e jovem em relação ao seu irmão de número menor ímpar ─ ou o X1.

Os X4 e X6 seguem o mesmo ritmo para X3 e X5, respectivamente, sem necessariamente serem modelos superiores em mecânica e tecnologia.

Perfil revela aspecto de hatch bombado, com área envidraçada reduzida e capô longo

Perfil revela aspecto de hatch bombado, com área envidraçada reduzida e capô longo (Divulgação/BMW)

Por isso, o X2 tem algumas dimensões ligeiramente menores do que as do X1. São 4,36 metros de comprimento e 1,53 metro de altura, contra 4,45 m e 1,60 m do irmão ímpar. Na largura, o novato é maior por 3 centésimos (1,824 m contra 1,821 m), enquanto o entre-eixos é exatamente o mesmo, de 2,67 metros. Já o porta-malas é consideravelmente menor: são 470 litros, contra 505 do X1.

Tantos sacrifícios nas medidas, porém, foram feitos em nome do design. A dianteira baixa, com faróis afilados e grandes aberturas dão uma cara agressiva do SUV, que se diferencia entre as versões xDrive20d e sDrive20i M Sport pelo aplique preteado no para-choque da primeira (em amarelo nas imagens).

Na traseira, as lanternas horizontais que invadem a tampa do porta-malas remetem às já vistas no Série 1 e fogem da aparência formal do recém-apresentado X3.

Interior repete o trivial da BMW: painel voltado para o motorista e tela fixa no topo

Interior repete o trivial da BMW: painel voltado para o motorista e tela fixa no topo (Divulgação/BMW)

De lado, além da aparência de um hatch bombado, o X2 tem como diferencial entre os demais modelos da gama X o logo da BMW inserido na coluna C, recurso inspirado em carros antigos da marca, como o 2000 CS, da década de 1960. As rodas, de acordo com a versão, variam entre 17 e 20 polegadas.

O interior do X2 dispensa grandes apresentações por manter-se fiel ao formato visto nos demais BMW. O painel, com uma larga faixa central horizontal, é levemente voltado ao motorista, abriga inúmeros comandos do sistema multimídia (com Apple CarPlay) e do ar-condicionado no centro e mantém a tela de 6,5 ou 8,8 polegadas fixa no topo.

Faróis full led, freio de emergência automático, sistema de auxílio para estacionamento e alerta de mudança involuntária de faixa estão presentes no modelo.

Logo da marca na coluna C é diferencial e remete a modelos antigos da BMW

Logo da marca na coluna C é diferencial e remete a modelos antigos da BMW (Divulgação/BMW)

De acordo com a marca, serão ao menos três as opções de motorização do modelo: a gasolina com 192 cv ou a diesel com 190 e 231 cv.

Para o Brasil, é esperado que ele chegue equipado com o 2.0 turbo de 192 cv, já utilizado nas versões de entrada do X1, com câmbio automático de sete marchas e tração dianteira, com promessa de ir de 0 a 100 km/h em 7,7 segundos. Quando equipado com motor 2.0 turbodiesel, o câmbio passa a ser de oito marchas e a tração integral.

Faróis de neblina próximos aos principais são uma das marcas da linha X

Faróis de neblina próximos aos principais são uma das marcas da linha X (Divulgação/BMW)

Com início das vendas no Brasil previsto para o segundo trimestre de 2018, é possível que o X2 parta de aproximados R$ 200.000. Atualmente, o X1 começa em R$ 184.950, enquanto o X3 não sai por menos de R$ 325.950.

Confirmado para o Brasil, modelo deve chegar com motor 2.0 turbo de 192 cv

Confirmado para o Brasil, modelo deve chegar com motor 2.0 turbo de 192 cv (Divulgação/BMW)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s