Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Americano troca V8 de uma Ferrari 308 GTBi por motor Honda de 1.200 cv

Além do motor, a Ferrari também recebeu um body kit japonês, se tornando mais nipônica do que italiana

Por João Vitor Ferreira Atualizado em 31 mar 2022, 20h31 - Publicado em 31 mar 2022, 20h30

Fãs da Ferrari com certeza acharão isso uma blasfêmia. Afinal, vai totalmente contra a famosa frase “quando você compra uma Ferrari, está pagando pelo motor. O resto vem de graça” dita pelo próprio Enzo Ferrari. Mas trocar o V8 2.9 de uma Ferrari 308 GTBi por um motor Honda 2.4 K24 de 1.216 cv seria, realmente, algo terrível?

Assine a Quatro Rodas a partir de R$ 9,90

Mike Burroughs, do canal Stance Works, discorda do fundador da marca. O americano vem tocando esse projeto desde dezembro de 2020 e um ano e três meses depois, pela primeira vez, pode ouvir o som da sua “Ferrari nipônica”.

Usando uma moderna unidade de controle, um dos colegas de Burroughs vai controlando a aceleração e a mistura entre combustível e ar pelo notebook, revela o vídeo. O resultado é bem diferente do característico som do V8 italiano. Na verdade, com “pipocados” semelhante ao de uma motocicleta. Mas para o criador, soou como a melhor das sinfonias.

De acordo com o preparador, esse som diferente ocorre devido à falta do sistema VTEC. Esse sistema de controle variável de válvulas foi criado pela Honda em 1983 e estava presente no motor K24, mas foi retirado por opção de Burroughs.

Dá pra entender o motivo do orgulho do mecânico: no melhor estilo Dr. Frankenstein, ele construiu e ajustou boa parte dos componentes com as próprias mãos. No mesmo vídeo, podemos ver Burroughs construindo a caixa de bateria, soldando e instalando as linhas de óleo para o sistema de cárter seco.

Porém, por enquanto é possível apenas ouvir um pouco do barulho do motor. O carro ainda não está finalizado, faltando um sistema de resfriamento, eixos e rodas. Sem contar em todo o interior que ainda precisa ser finalizado.

Continua após a publicidade

Ferrari 308 com motor Honda
Motor Honda de mais de 1.200 cv instalado no cofre da Ferrari 308 GTBi Mike Burroughs/Instagram

Ao que tudo indica, não deverá ser difícil superar o desempenho original da 308 GTBI dos anos 80. Como Burroughs descreve, a Ferrari era um veículo “fraco, com sobrepeso e superfaturado”. Originalmente, o modelo tinha cerca de 207 cv, mas após anos de uso, um teste no dinamômetro registrou apenas 143 cv de potência. Ao todo, o trem-de-força original da Ferrari pesava cerca de 273 kg, mas somado às adições do turbo e outras modificações o peso total do motor subiria para 385 kg.

Já o K24 turboalimentado é mais moderno e leve. Essa unidade em específico pode ultrapassar os 1.200 cv. Por motivos de testes, primeiro Burroughs colocou outro motor da mesma família, que foi retirado de um Acura TSX  de 207 cv. Em questão de peso, esse motor provisório, já com as adições feitas, pesava apenas 181 kg — quase 200 kg a menos que o original.

Ferrari 308 com motor honda de teste
Primeiro, o mecânico trocou o V8 da Ferrari por um K24 de potência semelhante, como forma de teste Mike Burroughs/Instagram

E se não bastasse o motor, o mecânico também mudou parte do visual da 308. Para isso, ele encomendou um bodykit da japonesa Liberty Walks. A novas peças alteraram os para-choques e para-lamas e foram escolhidos mais pelo gosto estético de Burroughs, que ainda irá pintá-los

A intenção é que sua 308 seja um carro de corridas Time Attack, modalidade em que o piloto corre sozinho na pista buscando fazer o melhor tempo de volta. Para isso, ela está sendo toda preparada para receber gasolina acima de 110 octanas.

Ferrari 308
Ferrari 308 GTBi antes do processo de modificação começar Mike Burroughs/Instagram
Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Continue lendo, sem pisar no freio. Assine a QR.

Impressa + Digital

Plano completo da QUATRO RODAS! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da QUATRO RODAS, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Comparativo entre os principais modelos do mercado.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.

Receba mensalmente a QUATRO RODAS impressa mais acesso imediato às edições digitais no App QUATRO RODAS, para celular e tablet.

a partir de R$ 14,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Acesso ilimitado ao Site da QUATRO RODAS, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Comparativo entre os principais modelos do mercado.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.

App QUATRO RODAS para celular e tablet, atualizado mensalmente.

a partir de R$ 9,90/mês