Alfa Romeo Giulia pode usar motor do Fiat Argo

Versão turbo dos motores 1.0 e 1.3 Firefly com até 180 cv serão usados por Jeep, Fiat e Alfa Romeo na Europa

Motor 1.3 Firefly Motor Firefly aspirado foi o ponto de partida para os novos motores turbo da Fiat

Motor Firefly aspirado foi o ponto de partida para os novos motores turbo da Fiat (Divulgação/)

Os motores 1.0 e 1.3 Firefly, da família GSE, estrearam em 2016 no Uno e hoje estão nos Argo, Cronos (apenas o 1.3) e no Mobi (apenas 1.0).

Agora, a família de motores mais nova da FCA está a caminho da Europa.

A ideia é iniciar, enfim, o processo de substituição dos motores Fire, um projeto com mais de 30 anos.

De quebra, estes motores ainda chegarão aos Jeep e Alfa Romeo.

Por trás disso estão as versões com quatro válvulas por cilindro – e não duas -, turbo e injeção direta dos motores Firefly.

Eles foram apresentados durante o Simpósio de Motores de Viena deste ano.

Eles foram batizados internamente de T3 e T4 – as versões aspiradas são chamadas N3 e N4, respectivamente.

O novo motor 1.3 Firefly da Fiat O motor 1.0 Firefly tem 120 cv em sua versão turbo com injeção direta

O motor 1.0 Firefly tem 120 cv em sua versão turbo com injeção direta (Fiat/Divulgação)

O T3, 1.0 três cilindros GSE turbo, gera 120 cv e 19,4 mkgf de torque máximo. O T4, 1.3 quatro cilindros, por sua vez, chega aos 180 cv e 27,5 mkgf de torque.

Vale lembrar que a versão aspirada tem 10,9 mkgf com álcool e 10,4 mkgf com gasolina.

A potência fica em 77 cv com álcool e 72 cv com gasolina. O 1.3 chega a 101 cv e 13,7 mkgf com gasolina e 109 cv e 14,2 mkgf com etanol.

O ganho dos novos motores foi obtido com turbocompressor monoscroll, mas o uso de turbos twinscroll está previsto para longo prazo.

A injeção direta trabalha com 200 bar de pressão e há duplo comando de válvulas variável Multiair II, capaz de simular os ciclos Atkinson e Miller – como nos aspirados – para economizar combustível.

As versões aspiradas são diferentes. O cabeçote tem duas válvulas por cilindro, há variador de fase, que atua ao mesmo tempo nas válvulas de admissão e escape, e não de forma independente, e a injeção é multiponto, feita no coletor de admissão.

A taxa de compressão é maior nos aspirados: 13,2:1 contra 10,5:1.

cabeçote do motor fiat 1.0 6v firefly Cabeçote do novo 1.0 Firefly aspirado, com duas válvulas por cilindro

Cabeçote do novo 1.0 Firefly aspirado, com duas válvulas por cilindro (Reprodução/Fiat)

As versões turbo mantiveram o coletor de estape integrado ao cabeçote, que diminui o tempo para que o motor chegue à temperatura correta de funcionamento, e também têm bloco e cabeçote de alumínio. E são leves: o T3 pesa 91 kg e o T4, 110 kg.

A FCA ainda não diz em quais modelos os motores GSE turbo serão usados.

No entanto, o desempenho sugere que eles poderão ser utilizados em três marcas do grupo: Fiat, Jeep e Alfa Romeo.

Na gama europeia da Fiat, tanto o 1.0 como o 1.3 poderiam ser usados no 500 e seus derivados, bem como no sucessor do Punto e no Tipo.

Na Jeep, o 1.6 E.TorQ do Renegade (versão de entrada no Velho Continente) poderia dar lugar ao 1.0. O 1.3 poderia ser usado até mesmo no Cherokee.

alfa romeo giulia Está na fila dos que podem receber o motor 1.3 Turbo da família GSE

Está na fila dos que podem receber o motor 1.3 Turbo da família GSE (Divulgação/Alfa Romeo)

A Alfa Romeo poderia recorrer aos dois motores para o hatch médio Giulietta e ao 1.3 para as versões de entrada do sedã Giulia.

Seria a volta do clássico Alfa Romeo Giulia 1300, sucesso nos anos 60 e 70 – e que deu origem aos divertidos 1300 TI e 1300 Super?

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s