Clique e assine por apenas 8,90/mês

Correio Técnico: e se deixar item de metal no carregador sem fio do carro?

O sistema de carregamento por um indução é um das novidades a equipar os últimos modelos do mercado. Entenda os riscos

Por Rodrigo Ribeiro - 17 fev 2020, 08h49
O sistema de indução carrega o celular sem o uso de cabos Divulgação/Internet

O que acontece se deixarmos objetos metálicos no carregador de celular por indução? Hyago Vilhardo, Brasília (DF)

Eles podem esquentar e, no caso de cartões magnéticos, até perder as informações gravadas. Mas isso só vale para quando você deixa, junto com esses objetos, um celular compatível com o carregamento sem fio.

A recarga por indução usa um campo eletromagnético gerado por uma bobina do equipamento capaz de transmitir eletricidade para o celular, permitindo que ele seja recarregado sem fio.

Normalmente esse sistema detecta a presença de equipamentos compatíveis e só ativa a bobina nessas circunstâncias, permitindo o uso seguro da área sobre o carregador quando não há celulares sobre ele.

Continua após a publicidade

Mas, ao colocar smartphones capazes de ser recarregados sobre a base junto de outros objetos, o campo magnético pode aquecer itens como chaves e moedas e até apagar os dados gravados em cartões de crédito ou crachás de empresas.

Publicidade