Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Nada consta

Por Redação 6 Maio 2013, 15h07

Por Péricles Malheiros

10 929 km

Desde que estreou na frota de Longa Duração, em dezembro de 2012, nosso Etios recebe comentários sobre a espartanidade de seu conteúdo. “Difícil acreditar que se trata da versão topo de linha do Etios 1.3”, diz o editor Péricles Malheiros ao citar a ausência de retrovisores elétricos, calotas e travamento e destravamento automático das portas. Mas também é verdade que, com o passar do tempo, os comentários têm se tornado mais positivos.

A direção leve nas manobras, a boa sintonia do motor com o câmbio e a ausência de defeitos – comprovada pela lista de ocorrências vazia, aqui ao lado – começa a se converter em elogios. “É um carro muito bom de dirigir. Acelera e freia bem, transmite segurança nas curvas, é confortável e o acabamento, apesar de simplório, não faz barulho”, disse o redator-chefe Zeca Chaves, após dirigir o Toyota em São Paulo.

A calmaria só foi levemente sacudida por dois deslizes da concessionária paulistana Inter Japan, onde foi feita a primeira revisão, aos 10000 km. Conforme previsto no plano de manutenção, a autorizada trocou o lubrificante do motor e os filtros de combustível e óleo, mas deixou o volante desalinhado e não efetuou o rodízio conforme indica o manual do proprietário.

Os dois pontos foram detectados na oficina Fukuda Motorcenter, onde fazemos a verificação dos serviços prestados assim que cada carro da nossa frota sai da revisão. Fabio Fukuda, nosso consultor técnico e responsável pelo acompanhamento e desmonte dos carros de Longa Duração, diz: “Eles fizeram o rodízio convencional, invertendo as rodas do eixo dianteiro e traseiro sem trocar de lado. Estaria correto, não fosse a recomendação da própria fábrica de incluir o estepe no rodízio. O volante também está fora de centro”.

Continua após a publicidade

Ligamos para o 0800 da Toyota e a atendente confirmou que o mais indicado a fazer era seguir o manual. Reposicionamos as rodas e retornamos à Inter Japan, onde foi providenciada a correção da posição do volante.

Consumo

No mês (57% na cidade) – Etanol 8,8 km/l

Desde dez/12 (44,7% na cidade) – Etanol 9,5 km/l

O hodômetro do Etios avisa: hora da revisão | Em Itu (SP), Etios encarou uma estrada de terra

Continua após a publicidade

Publicidade