Longa Duração: Citroën consegue reduzir incômodos ruídos do C4 Cactus

Os ruídos na traseira sumiram e a suspensão também trabalha quieta. O problema é que até os alertas sonoros se calaram

O som do pisca desapareceu e depois voltou. Mas agora sumiu de vez.

O som do pisca desapareceu e depois voltou. Mas agora sumiu de vez. (Renato Pizzuto/Quatro Rodas)

É bem verdade que a primeira manutenção programada do C4 Cactus na rede Citroën, aos 10.000 km, no mês anterior, exigiu uma segunda visita para refazer o serviço de isolamento de ruído na parte traseira – um ajuste no sistema de molas a gás da tampa do porta-malas, segundo o técnico da Le Mans, autorizada paulistana onde foi feita a revisão.

Mas também é certo dizer que hoje, aos 14.000 km, nosso C4 Cactus está melhor do que quando o retiramos, zero-quilômetro, em abril. Ao sair com o Cactus após a revisão, o editor de Longa Duração, Péricles Malheiros, elogiou o silêncio a bordo.

“O carro está melhor do que nunca. Finalmente eliminaram o ruído na traseira. Mas o mais impressionante é a suspensão. Silenciosa, reforça a sensação de estar trabalhando justa, sem folgas”, disse.

Mérito da Le Mans, que providenciou um reaperto geral que nem sequer havíamos solicitado ao deixar o carro.

No entanto, um velho problema – notado logo após a incorporação do Cactus à nossa frota – voltou a incomodar.

“Assim que o carro retornou da revisão, o alerta sonoro de confirmação dos piscas parecia ter voltado ao normal. Mas pouco tempo depois o volume reduziu novamente  e nunca mais se restabeleceu”, disse o repórter Henrique Rodriguez.

Nosso outro repórter Rodrigo Ribeiro também deixou registrada sua reclamação no diário de bordo do Cactus:

“O volume está praticamente nulo. É preciso se concentrar para ouvir. Se o rádio estiver ligado ou o tráfego ao redor for muito ruidoso, é fácil esquecer a seta ativada”.

Seguimos à espera da prometida atualização de software que permitirá ao painel de instrumentos voltar a informar o consumo em km/l – na revisão dos 10.000 km, uma bolha no mostrador digital levou à troca do componente inteiro e, desde então, o display travou em l/100 km.

C4 Cactus – 14.080 km

Consumo No mês: 10,2 km/l com 36,1% de
rodagem na cidade
Desde abr/19:
10,3 km/l com
38,5% de rodagem na cidade
Combustível:
(flex) gasolina
Gastos no mês Combustível:
R$ 1.356
Revisões Até 60.000 km

R$ 3.738

Ficha técnica Versão: Feel Pack 1.6 16V
Motor: 4 cil., diant., transv., 1.587 cm3, 16V, 118/115 cv a 5.750 rpm, 16,1/16,1 mkgf a 4.750/4.000 rpm
Câmbio: aut., 6 marchas, tração dianteira
Seguro R$ 1.539*

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s