Caoa Chery Tiggo 5x e 7 turbo marcam ofensiva de SUVs chineses

Modelos serão fabricados em Anápolis (GO) ao lado das três gerações do Hyundai Tucson

O Tiggo 7 será por alguns meses o Chery mais caro do Brasil

O Tiggo 7 será por alguns meses o Chery mais caro do Brasil (Renato Pizzutto/Quatro Rodas)

Em tempos de insegurança política e econômica, nada melhor do que fazer investimentos seguros com retorno garantido. Isso explica a profusão de SUVs no estande da Caoa Chery no Salão do Automóvel.

A marca apresentou no evento os inéditos Tiggo 5x e Tiggo 7.

Os dois utilitários serão montados pela Caoa em Anápolis (GO), onde a empresa já produz as três gerações do Hyundai Tucson e o caminhão HR.

O antigo Tiggo 4 foi rebatizado de 5x

O antigo Tiggo 4 foi rebatizado de 5x (Renato Pizzutto/Quatro Rodas)

O motor da dupla será o mesmo 1.5 turbo de 147 cv do Arizzo 5.

O pacote de equipamentos não foi detalhado, mas a marca antecipou que ESP, chave presencial e airbags laterais estarão entre os itens de série da dupla.

As vendas do Tiggo 5x começam em dezembro deste ano, enquanto o Tiggo 7 será lançado no mês seguinte.

A marca não revelou preços, mas espera-se algo entre R$ 80.000 e 90.000 pelo primeiro e R$ 100.000 a R$ 110.000 pelo segundo.

O Tiggo 8 será o segundo chinês com sete lugares no Brasil

O Tiggo 8 será o segundo chinês com sete lugares no Brasil (Renato Pizzutto/Quatro Rodas)

Uma surpresa foi a apresentação do Tiggo 8, SUV de sete lugares que chega em 2019 para ser o topo de linha da Caoa Chery.

A empresa deu poucos detalhes do modelo, que será feito no Brasil e disputará o segmento de Lifan X80 e Peugeot 5008.

Turbinado nacional

O Arrizo 5 é o terceiro modelo feito pela Chery Caoa

O Arrizo 5 é o terceiro modelo feito pela Chery Caoa (Renato Pizzutto/Quatro Rodas)

Apresentado à imprensa no último mês, o Arrizo 5 teve seus preços divulgados no Salão.

O sedã feito em Jacareí (SP) parte de R$ 65.990 pela versão RX e R$ 72.990 pela topo de linha RXT, que adiciona teto-solar, airbags laterais e rodas de 17 polegadas.

A produção do modelo atrasou uma semana, mas a Caoa Chery afirmou que as primeiras entregas do Arrizo 5 começarão já neste mês.

Eletrificada

A Chery pretende trazer três modelos elétricos ao Brasil nos próximos anos, incluindo o 5e

A Chery pretende trazer três modelos elétricos ao Brasil nos próximos anos, incluindo o 5e (Renato Pizzutto/Quatro Rodas)

Marcio Alfonso, presidente da Caoa Chery, afirmou à imprensa que a empresa estuda lançar uma linha de modelos elétricos no país.

A intenção é vender por aqui Tiggo2e e Arrizzo 5e. Além deles, a Chery busca trazer um compacto, mas não definiu entre o EQ1 e EQ, hatches elétricos baseados no QQ.

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s