Clique e assine por apenas 8,90/mês

SUVs no Brasil: há espaço para mais modelos?

Listamos cinco opções que poderiam integrar o "boom" do segmento por aqui

Por Rodrigo Furlan - Atualizado em 9 nov 2016, 14h30 - Publicado em 20 Maio 2015, 20h45
paris-2014

Não há como negar: nenhum segmento do mercado automotivo brasileiro está tão aquecido nos últimos tempos como o dos utilitários esportivos. Nos últimos meses, lançamentos badalados chamaram a atenção da imprensa especializada e, especialmente, dos admiradores de carros.

Honda HR-V, Jeep Renegade e Peugeot 2008 são algumas dessas atrações, além da reestilização do já consolidado Duster. Isso sem contar o antigo líder hegemônico, Ford EcoSport, e outros modelos, como Chevrolet Tracker, Hyundai ix35 e Mitsubishi ASX.

Diante desse cenário, será possível que ainda existiriam opções para engrossar ainda mais o segmento? Ah, existiriam, sim. Aqui, sugerimos cinco modelos que disputariam tranquilamente uma fatia do mercado se por aqui fossem vendidos.

Fiat 500X (foto em destaque) Preço em outros mercados: 17.500 euros (Itália)Chance de vir ao Brasil em breve: remota

Eis um segmento pelo qual a Fiat não se interessou no Brasil. A única opção de SUV atual é o Freemont, ou Dodge Journey rebatizado, se você preferir. E, convenhamos, não será com ele que a montadora italiana conseguirá competir por aqui caso adira ao “boom”. O 500X, primo do Renegade, poderia ser uma aposta interessante, já que chegaria com uma configuração semelhante à do modelo da Jeep e, provavelmente, com um preço menor.

Mas não espere por qualquer ação nesse sentido por parte da Fiat. Ou melhor, por parte da Fiat Chrysler Automobiles (FCA). Com o bastante razoável argumento de que o 500X poderia interferir nas vendas do Renegade, a maior aposta do grupo no País, sequer se cogita trazê-lo.

Acura RDX Preço em outros mercados: US$ 35.270 (Estados Unidos)Chance de vir ao Brasil em breve: remota

acura-rdx-2016.jpeg

Bem, vamos começar falando sobre um potencial corrente entre as marcas de luxo. O RDX se destaca por ser um modelo altamente tecnológico, podendo contar com sistema de frenagem de emergência, para reduzir o impacto ou evitar a colisão, detector de ponto cego, assistente de manutenção de faixa, acionamento do motor à distância, bancos com múltiplos ajustes elétricos, entre outros.

Com motor 3.5 V6 de 279 cavalos de potência, não resta dúvida: seria um concorrente tinhoso para os SUVs alemães, como Audi Q5 e BMW X3, bem como para o sueco Volvo XC60. Mas, é claro, sem grandes expectativas em termos de volume de vendas. O problema é: a Honda se convencer de que seria vantajoso implantar a marca Acura no Brasil.

Continua após a publicidade

Mazda CX-5 Preço em outros mercados: US$ 21.795 (Estados Unidos)Chance de vir ao Brasil em breve: remota

los-angeles-2014

É provável que a Mazda seja a ausência mais significativa quando o assunto é “montadoras que vendem no Brasil”. De tempos em tempos, surgem rumores de um retorno da marca (as atividades por aqui pararam em 2000) via México, mas, enquanto isso não é sacramentado, só nos resta observar de longe seus principais modelos.

O CX-5 é um deles. Bonito e equipado com os altamente cortejados motores SKYACTIV, que primam pela eficiência de consumo de combustível e emissão reduzida de CO2, ele já ganhou diversos prêmios na Europa. Poderia bater de frente por aqui com os demais utilitários compactos.

Nissan Juke Preço em outros mercados: 15.990 euros (França)Chance de vir ao Brasil em breve: nenhuma, mas virá um novo modelo

fabricantes

Um crossover diferentão. Talvez esse seria o grande charme do Juke por aqui: seu design ousado, polêmico. Há algum tempo, cogitou-se sua chegada ao Brasil, mas os rumores foram se enfraquecendo e, finalmente, sumiram. Mas foi por um bom motivo.

Acontece que a Nissan deixou claro que tem o interesse em entrar no segmento dos utilitários esportivos no País, mas será com outro modelo. A prévia desse SUV compacto foi vista durante o Salão do Automóvel de São Paulo em 2014: o Kicks concept. Seu lançamento deve ocorrer em 2016.

Suzuki Vitara Preço em outros mercados: 17.990 euros (Alemanha)Chance de vir ao Brasil em breve: baixa

suzuki-vitara-2015.jpeg

Precisamos ser justos. A Suzuki acabou de trazer o S-Cross ao mercado brasileiro, com o intuito de efetivamente substituir o SX4. Em tese, o S-Cross é o modelo que mais se encaixa na onda dos SUVs compactos, mas… e o novo Vitara, mostrado em meados de 2014?

Ele seria o substituto perfeito para o relativamente defasado Grand Vitara, mas a marca japonesa deve mantê-lo em produção por mais um ou dois anos. Até lá, o moderno (e belo) Vitara não deve dar as caras por aqui.

Continua após a publicidade
Publicidade