Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Relógios são feitos com peças de antigos Ford Mustang

Empresa dinamarquesa aproveita partes de veículos sucateados no acabamento dos produtos

Por Vitor Matsubara 11 dez 2017, 14h30
Chapas de metal são algumas das partes utilizadas na fabricação dos relógios Ford/Divulgação

Fazer um relógio baseado em carros superesportivos não é novidade para ninguém. Um relógio feito de peças de um carro de verdade, sim. E não se trata de qualquer carro, e sim um Ford Mustang.

Feito pela REC Watches, o acessório tem partes feitas a partir de peças do esportivo norte-americano. Antes que os antigomobilistas de plantão se revoltem, a própria empresa ressalta que utiliza apenas peças de veículos sucateados.

Chapas de metal são utilizadas para dar o acabamento final no mostrador Ford/Divulgação

Cada carro tem seu histórico pesquisado pelo número do chassi, e o resultado desta busca é resumido na caixa de cada relógio.

Foi por meio deste levantamento, aliás, que os dinamarqueses descobriram um Mustang da rara série Raven Black, fabricado em 1966. Resultado: o que era para ser mais um relógio virou uma edição limitada a 250 exemplares.

Continua após a publicidade

Número do chassi do veículo “doador” é grafado no relógio Ford/Divulgação

Não são apenas Mustangs clássicos que servem de inspiração para a relojoaria dinamarquesa. Recentemente, partes de fibra de carbono do veículo de Vaughn Gittin Jr., piloto de drift patrocinado pela Ford nos Estados Unidos, foram aproveitadas em um relógio entregue ao próprio Vaughn.

Alguns relógios são vendidos por menos de US$ 1.500 Ford/Divulgação

Além de aproveitar materiais dos clássicos esportivos em sua construção, os relógios tem mostradores inspirados no painel de instrumentos do Mustang. Os preços partem de US$ 1.495.

Continua após a publicidade

Publicidade