Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Quatro Dodge e Jeep com V8 Hellcat foram levados de aeroporto no mesmo dia

Os carros escolhidos pelos bandidos foram dois Dodge Charger, um Challenger e um Jeep Grand Cherokee.

Por João Vitor Ferreira Atualizado em 18 out 2021, 10h18 - Publicado em 18 out 2021, 10h02

Não há exceções. Todo o estacionamento que entramos tem a frase: “não nos responsabilizamos pelos objetos deixados dentro do veículo”. Mas parece que o Aeroporto Internacional de Orlando, nos Estados Unidos, não anda se responsabilizando nem pelos carros que estacionam por lá.

Assine Quatro Rodas por apenas R$ 12,90

Recentemente, uma onda de roubos tomou conta dos estacionamentos do aeroporto. Ao todo, dois Dodge Chargers, um Challenger e um Jeep Grand Cherokee Trackhawk foram roubados, no mesmo dia, de dentro do local enquanto seus donos estavam viajando.

O que relaciona os três crimes é o fato de todos os veículos serem de versões Hellcat, equipadas com o famoso motor V8 Hellcat supercharger 6.2 de 717 cv e 88 kgfm. Para as autoridades americanas, o motor era o principal alvo dos bandidos devido à sua popularidade.

As vítimas estão indignadas. Todos os quatro veículos foram deixados nos setores mais caros do estacionamento. Os donos acreditavam que o preço mais alto significava mais segurança. Mas a realidade é que a organização do aeroporto não possui nenhum vídeo do roubo.

Continua após a publicidade

Os proprietários acreditam que não existem câmeras no estacionamento. A diretora sênior de relações públicas da Autoridade de Aviação da Grande Orlando, Carolyn Fennell, não confirmou se há ou não câmeras no local.

Dodge Challenger e Charger
O motor V8 Hellcat equipa os dois principais muscle cars da Dodge, o Charger e o Challenger Divulgação/Dodge

As únicas evidências sobre o roubo são os cacos de vidro deixados nas vagas e os registros de saída do estacionamento, que indicam que os veículos foram retirados dos estacionamentos um ou dois dias antes do retorno dos proprietários.

Felizmente, pelo menos um dos carros já voltou ao seu proprietário. Joshua Murillo recuperou o seu Dodge Charger SRT Hellcat 2016 poucos dias depois de retornar da sua viagem à Cancun. Depois da experiência, Murillo recomenda a outros motoristas não confiarem na segurança do Aeroporto Internacional de Orlando.

Para-choques trocou os faróis de neblina por aberturas de ventilação funcionais
Para-choques trocou os faróis de neblina por aberturas de ventilação funcionais divulgação/Jeep

Aparentemente, o roubo de Hellcats é algo um tanto comum nos EUA. Em julho, 74 modelos com esse motor foram roubados de uma concessionária em San Leandro, na Califórnia. Outra concessionária, desta vez no estado do Michigan, teve três Hellcats roubados de seu estacionamento no começo de outubro.

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital

Continua após a publicidade

Publicidade