Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Peugeot Landtrek: picape terá motor diesel mais fraco que Hilux, S10 e cia

Modelo desenvolvido em parceria com a chinesa Changan chegará ao Brasil até 2022 com duas opções de motorização

Por Daniel Telles 5 mar 2020, 15h07
Peugeot Landtrek chega ao Brasil até 2022 DIvulgação/Peugeot

Anunciada oficialmente no dia 20 de fevereiro, a Peugeot Landtrek, picape que chega para competir com Toyota Hilux, Ford Ranger, Chevrolet S10 e VW Amarok, deve desembarcar no Brasil somente em meados de 2021 ou início de 2022.

Entretanto, os detalhes do modelo já foram revelados para o mercado argentino, que receberá primeiro a picape. Haverá versões em cabine simples e dupla com duas opções de motor.

Modelo tem carga útil de até 1,2 tonelada Divulgação/Peugeot

O primeiro é um 2.4 turbo, a gasolina, capaz de gerar 210 cv de potência e 32,6 kgfm de torque. Esta opção pode ser acoplada tanto a um câmbio manual Getrag de seis marchas, quanto a uma caixa automática Punch também de seis relações.

A outra opção é um motor a diesel, 1.9 turbo, de 150 cv e 35,7 kgfm. Este propulsor só será combinado a transmissão manual de 6 marchas e, segundo a Peugeot, terá um consumo de 12,8 km/l.

Continua após a publicidade

São dados inferiores ao que a concorrência já estabelecida no Brasil oferece: 177 cv e 45,9 kgfm (Toyota Hilux); 200 cv e 51 kgfm (Chevrolet S10); 180 cv e 40,8 kgfm (VW Amarok 2.0); 160 cv e 39,3 kgfm (Ford Ranger 2.2); 190 cv e 45,9 kgfm (Nissan Frontier).

Versões mais completas contarão com sistema de visão externa com câmeras 360º para detecção de obstáculos Divulgação/Peugeot

Quanto à tração, esta poderá ser tanto 4×2, como 4×4 para as duas motorizações.

A tração 4×4 contará com duas opções de uso: 4X4 H para terrenos convencionais e 4×4 L, com uma redutora de 2,7 para 1, própria para terrenos de baixa aderência e com subidas íngremes.

A Landtrek foi desenvolvida em conjunto com a fabricante chinesa Changan e chega a alguns países da América Latina ainda em 2020. O modelo deverá ser produzido no Uruguai ou Argentina.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Continue lendo, sem pisar no freio. Assine a QR.

Impressa + Digital

Plano completo da QUATRO RODAS! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da QUATRO RODAS, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Comparativo entre os principais modelos do mercado.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.

Receba mensalmente a QUATRO RODAS impressa mais acesso imediato às edições digitais no App QUATRO RODAS, para celular e tablet.

a partir de R$ 14,90/mês

ou

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Acesso ilimitado ao Site da QUATRO RODAS, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Comparativo entre os principais modelos do mercado.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.

App QUATRO RODAS para celular e tablet, atualizado mensalmente.

a partir de R$ 9,90/mês