Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Novo Civic chega ao Brasil em 2016 com motor 1.5 turbo; Fit e City podem ter motor 1.0 turbo

Família de motores sobrealimentados equipará a maioria dos modelos Honda nos próximos anos

Por Paulo Campo Grande, de Tóquio (JAP) Atualizado em 9 nov 2016, 14h43 - Publicado em 26 out 2015, 19h16
fabricantes

A décima geração do Civic vai estrear uma nova família de motores VTEC com turbocompressor no Brasil. O sedã, que deve ser vendido aqui a partir do segundo semestre de 2016, será equipado com um motor 1.5 turbo de 174 cv – no Japão ele tem uma versão mais potente, com 204 cv. Segundo a Honda, este propulsor pode receber três calibrações distintas, sempre com câmbio CVT. Inicialmente o Civic só rodará com gasolina – a versão bicombustível chegará depois. Ainda não se sabe se a Honda brasileira seguirá o padrão de configurações adotado nos Estados Unidos, onde o Civic será oferecido a partir de novembro em quatro versões.

Outra novidade interessante é o motor 1.0 turbo de três cilindros, que ainda não tem data para chegar, mas que deve equipar outros modelos da Honda, como Fit e City. Assim como o Civic, este motor também terá três opções de calibragem, sendo que a mais nervosa tem 129 cv e torque máximo de 20,4 mkgf. Além destas duas motorizações, a montadora apresentou outras duas opções: 2.0 e 3.5 V6, esta última empregada no novo superesportivo NSX.

Juntamente com os motores VTEC turbo, a Honda apresentou novas transmissões, incluindo a caixa automatizada de nove marchas com dupla embreagem (que equipa o novo NSX), um sistema misto de dupla embreagem com conversor de torque de oito marchas, e uma inédita transmissão automática de 10 marchas.

LEIA MAIS:

– Preço inicial do novo Honda Civic nos EUA será equivalente a R$ 74,8 mil

– Novo Civic: um sedã vestido de cupê

Continua após a publicidade
Publicidade