Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

MotoGP: Lorenzo bate Márquez em Silverstone

Jovem da Honda sofreu acidente na volta de aquecimento e correu com luxação no ombro

Por Alexandre Ciszewski Atualizado em 9 nov 2016, 12h41 - Publicado em 1 set 2013, 15h55
MotoGP: Lorenzo bate Márquez em Silverstone

O Grande Prêmio da Inglaterra de MotoGP vai ser uma daquelas provas inesquecíveis graças ao emocionante final estrelado por Jorge Lorenzo e Marc Márquez. O piloto da Repsol Honda Team sofreu um acidente na volta de aquecimento e correu com uma luxação no ombro, após autorização da junta médica de Silverstone.

Os dois escaparam do resto do pelotão logo na largada. Lorenzo teve um início impecável e Márquez respondeu se colocando bem perto do piloto da Yamaha Factory Racing. Ambos conseguiram mais de um segundo de vantagem logo na primeira volta e foram aumentando a diferença nas seguintes.

Dani Pedrosa (Repsol Honda Team) largou mal, mas foi melhorando o ritmo até que conseguiu se aproximar dos líderes no meio da prova. Porém, no final da corrida, Pedrosa não foi capaz de manter o desempenho depois de castigar bastante o seu pneu.

Faltando duas voltas para o final da prova em Silverstone, Márquez atacou Lorenzo e assumiu a liderança de forma surpreendente. Lorenzo não se desesperou e deu o troco no mesmo local onde Márquez havia caído no warm up e reconquistou a liderança. Mas não acabou por aí: Márquez voltou à primeira posição, ficando um pouco mais, e Lorenzo respondeu imediatamente na penúltima curva, com a ultrapassagem final, alcançando uma vitória com um sabor especial.

Continua após a publicidade

O resultado não deixou de ser positivo para Marc Márquez, que correu lesionado, chegou em segundo lugar e conseguiu manter uma boa vantagem na liderança do Mundial de MotoGP em relação ao seu companheiro de equipe, Dani Pedrosa, que chegou em terceiro.

Álvaro Bautista (GO&FUN Honda Gresini) e Valentino Rossi (Yamaha Factory Racing) voltaram a estrelar um final de prova intenso, com várias ultrapassagens terminando em favor do veterano italiano . Stefan Bradl (LCR Honda MotoGP), que estava à frente deles, acabou perdendo força e terminou o GP da Inglaterra em sexto lugar, seguido por Cal Crutchlow (Monster Yamaha Tech3), que também caiu no warm up.

Nicky Hayden (Ducati Team) e Bradley Smith, companheiro de Crutchlow, chegaram em seguida, com Aleix Espargaró (Power Electronics Aspar) finalizando a lista dos dez melhores na Inglaterra.

Após a prova, a Direção de Corrida decidiu penalizar Márquez com dois pontos em sua licença por não reduzir o ritmo na área de sua queda no warm up , colocando em risco a integridade física dos comissários que atendiam Crutchlow. Estes são os dois primeiros pontos que o líder do campeonato perde esta temporada, na qual foi instaurado este sistema de multas por pontos para as infrações esportivas.

Veja aqui o resultado completo do Grande Prêmio da Inglaterra de MotoGP!

Continua após a publicidade

Publicidade