Clique e assine por apenas 5,90/mês

Mitsubishi ASX muda pouco e ganha DRL na linha 2019

SUV exibe nova grade e para-choque traseiro; Preços começam em R$ 104.990

Por Raphael Panaro - Atualizado em 21 set 2018, 12h33 - Publicado em 21 set 2018, 12h26
A mudança mais significativa da linha 2019 é o desenho da grade e novos acabamento no para-choque Divulgação/Mitsubishi

Enquanto o inédito Eclipse Cross não chega (a estreia será em novembro), a Mitsubishi fez mudanças no seu SUV mais barato à venda no Brasil, o ASX.

A linha 2019 do veterano SUV produzido em Catalão (GO) chega com retoques no design. A assinatura que a marca chama de Dynamic Shield continua, mas a grade agora traz um filete cromado.

O acabamento central do para-choque dianteiro passa a ser prata ou preto, dependendo da cor do veículo. Outra novidade são as luzes diurnas de LED instaladas verticalmente ao lado do nicho dos faróis de neblina.

Atrás, o para-choque ganha contornos mais esportivos com uma fenda de ponta a ponta, acabamento escurecido e lentes refletoras integradas. O difusor também contribui para essa estética, digamos, mais arrojada.

No perfil, as rodas de 18 polegadas têm acabamento diamantado e são calçadas em pneus com baixa resistência ao rolamento Divulgação/Mitsubishi

A marca promove ainda alterações na gama. A versão de entrada perde a transmissão manual e adota a automática CVT. Ela tem tração 4×2 e parte de R$ 104.990.

Continua após a publicidade

Traz controles de tração e estabilidade, volante multifuncional, assistente de partida em rampa e monitoramento da pressão dos pneus.

A opção intermediária pula para R$ 121.990 e passa a ter tração 4×4 e central multimídia com tela sensível ao toque de 6,7 polegadas e compatível com Android Auto e Apple Car Play. Adiciona ainda bancos de couro, botão de partida, câmera de ré e airbags laterais e de cortina.

A traseira exibe uma estética mais despojada com o novo desenho do para-choque e um difusor Divulgação/Mitsubishi

Sensor de chuva, acendimento automático dos faróis e espelho retrovisor externo retrátil, que é acionado automaticamente quando o veículo é travado, completam a lista.

Por mais R$ 9 mil – ou R$ 130.990 – essa configuração pode incorporar teto panorâmico e faróis de xênon com regulagem automática e lavador.

O que não muda no Mitsubishi ASX é o motor 2.0 flex, com comando de válvulas variável na admissão e escape. Ele fornece 170 cv e 23 mkgf de torque (etanol).

Continua após a publicidade
Publicidade