Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Mercedes-AMG GT Black Series chega ao Brasil e ganha versão lancha

Já esgotado, o carro mais rápido da Mercedes desembarca no Brasil ainda esse mês e compradores terão recepção especial

Por João Vitor Ferreira Atualizado em 30 jun 2021, 17h02 - Publicado em 30 jun 2021, 14h25
Mercedez amg black series visão frontal
Divulgação/Mercedes-Benz

O novo Mercedes-AMG GT Black Series foi anunciado em meados do ano passado e suas primeiras unidades já começaram a ser entregues aos compradores brasileiros. E nem adianta se apressar, porque todos já foram vendidos. 

Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 8,90

Essa exclusividade não é restrita ao Brasil. A versão tem produção limitada como parte da estratégia da empresa. “Cada Mercedes-AMG GT Black Series é único. Produzimos cada unidade de acordo com os desejos de nossos clientes para que cada momento a bordo de um AMG GT Black Series seja uma experiência marcante”, explica Jefferson Ferrarez, CEO da Mercedes-Benz Cars & Vans Brasil.

Inicialmente, o GT Black Series foi oferecido aos pricipais clientes da marca no Brasil. Entre eles, os três compradores do AMG One, como informou Gabriel Valadão, gerente de vendas da Mercedes Benz do Brasil, que receberão os Black Series P One Edition, com pintura que remete aos carros da Mercedes na F1.

A empresa não informou um número exato, assim como em outros países, mas afirmou que cerca de 10 unidades do Black Series desembarcarão por aqui.

mercedes amg black series super exclusivo
O Mercedes-AMG GT Black Series é o segundo carro de produção mais rápido a percorrer o circuito de Nurburgring, na Alemanha. Ele foi superado pelo Porsche 911 GT2 RS com acessórios Manthey Divulgação/Mercedes-Benz

O carro não ostenta o nome “Black Series”, reservado somente para o que há de melhor da AMG, à toa. O novo GT é o modelo mais rápido já feito pela empresa alemã e traz diversas mudanças em relação à sua versão base.

Começando pelo motor: o V8 4.0 biturbo foi refeito para ficar ainda mais potente, contando agora com virabrequim plano e turbocompressores e intercoolers maiores. O lado de escape do motor também foi virado para dentro do V formado pelas duas fileiras de cilindros, uma estrutura inédita nos carros da Mercedes-AMG. Isso faz com que o veículo tenha uma resposta mais rápida do acelerador e melhore sua performance.

Mercedes-AMG GT Black Series
Divulgação/Mercedes-Benz

Com as alterações, o Black Series entrega 730 cv e 80 kgfm de torque, números bem superiores aos do GT padrão, que tem potência de 585 cv. A sua velocidade máxima é de 325 km/h, atingindo a marca dos 100 km/h em apenas 3,2 segundos.

Continua após a publicidade

A carroceria também foi modificada. Para essa versão, a Mercedes-AMG adotou partes de fibra de carbono e alumínio, que aumentam a resistência e diminuem o peso. Foram usados também novos difusores dianteiros e uma asa traseira maior, que melhoram a aerodinâmica do veículo.

Mercedes-AMG GT Black Series
Divulgação/Mercedes-Benz

Para finalizar, uma transmissão de dupla embreagem e 7 velocidades ajustada para fornecer maior torque e sistema de lubrificação de cárter seco, que armazena o óleo em um compartimento separado do motor e depois bombeia-o aos pontos necessários.

Potente na terra e na água

carro e barco black series
Cigarette Racing/Divulgação

E já que os carros são como as lanchas, porque não uma versão aquática do GT Black Series? Apelidado de Nighthawk AMG Black Series foi construído em uma parceria entre a AMG e a empresa especializada em “super barcos” Cigarette Racing.

Assim como o carro, a embarcação também tem peças de fibra de carbono e alumínio. Os motores também são V8, mas ao invés de um são quatro, todos de 4,6 litros que geram mais de 2500 cv, número muito maior que na versão com rodas.

  • Mas as coisas não funcionam na água como na terra. Mesmo com uma potência notavelmente superior, o Nighthawk tem velocidade máxima declarada pela fabricante de aproximadamente 115 km/h. Em compensação, ele tem capacidade para até dez tripulantes, mais do que qualquer outro carro da Mercedes.

    Se você achou o supercarro limitado, fique sabendo que seu irmão marinho é ainda mais. O Nighthawk Black Series terá apenas uma unidade comercializada, e assim como os superesportivos que chegam ao Brasil, já foi vendido. 

    barco amg black series
    Mercedes-AMG e a Cigarette Racing trabalham juntas desde 2007, criando versões em conjunto e organizando ações de marketing Cigarette Racing/Divulgação

    O preço do barco é um mistério. Já o GT Black Series foi vendido na Europa por $335.240 euros, quase $2 milhões de reais pela cotação atual.

    Para os clientes brasileiros, a Mercedes está preparando uma entrega digna de um carro tão especial. A empresa informou que está preparando um novo conceito “Unboxing Black Series”, onde o veículo será entregue ao cliente por uma equipe especializada e treinada, em local e data escolhidos pelo comprador.

    Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital

    Capa de QUATRO RODAS 746
    A edição 746 de QUATRO RODAS já está nas bancas! Arte/Quatro Rodas
    Continua após a publicidade
    Publicidade