Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Mercedes continuará produzindo Classe G da década de 70

Jipe será vendido em versões de trabalho, mas apenas em mercados onde exigências de emissões são mais brandas

Por Henrique Rodriguez 21 Maio 2018, 14h37
Mercedes G300 Professional
Versões mais simples do G Wagen serão mantidas em produção Divulgação/Mercedes-Benz

A Mercedes apresentou a segunda geração do Mercedes Classe G no Salão de Detroit, em janeiro. Embora tenha mantido o design antigo, traz várias evoluções técnicas.

A grande notícia, porém, é que a primeira geração, lançada há 40 anos, continuará em produção.

De acordo com a Mercedes, o primeiro Classe G ainda tem demanda em alguns mercados que, ao contrário do Europeu, não é tão exigente com emissões.

Mercedes G300 Professional
Modelo antigo será designado para uso militar ou profissional Divulgação/Mercedes-Benz

Entre estes mercados estão Alemanha, Oriente Médio e Austrália, onde cumprir as normas de emissões Euro 5 basta.

As versões disponíveis têm entreeixos longo e quatro portas, chassi-cabine e 6×6.

Continua após a publicidade

Todas possuem configurações mais voltadas para uso profissional, militar ou para adaptações para construção civil.

Mercedes G300 pickup Professional
Entre as versões que permanecem em produção está a chassi-cabine, que permite a instalação de caçamba Divulgação/Mercedes-Benz

Vale dizer que, embora tenha design muito parecido, a nova geração do Classe G é completamente diferente, mais voltado para o uso como automóvel do que como veículo militar – que é sua origem.

Mercedes G300 Professional
O Classe G conserva boa parte do interior original Divulgação/Mercedes-Benz

Vale dizer que o Mercedes Classe G não é fabricado pela Mercedes, mas sim pela Magna-Steyr em Graz, na Áustria. Isso vem desde o início do desenvolvimento, em 1972 – o jipe foi lançado em 1979.

Então conhecida como Steyr-Daimler-Puch a empresa austríaca foi responsável pelo desenvolvimento e pelos planos de produção, enquanto a Mercedes cuidou do design e dos testes do veículo.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Continue lendo, sem pisar no freio. Assine a QR.

Impressa + Digital

Plano completo de QUATRO RODAS. Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da QUATRO RODAS, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Comparativo entre os principais modelos do mercado.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.

Receba mensalmente a QUATRO RODAS impressa mais acesso imediato às edições digitais no App QUATRO RODAS, para celular e tablet.

a partir de R$ 12,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.


a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)