Clique e assine por apenas 8,90/mês

Latin NCAP: VW e Toyota dominam ranking dos carros mais seguros do Brasil

Listamos os 10 veículos mais seguros nos testes feitos com o protocolo de 2016 a 2019 do programa. A boa notícia: todos têm cinco estrelas

Por Renan Bandeira - Atualizado em 18 dez 2019, 08h00 - Publicado em 18 dez 2019, 07h00
Latin Ncap/Divulgação

A segurança é um dos principais fatores que devem ser analisados na hora da compra de um veículo. O Latin NCAP é quem avalia o nível de proteção dos veículos da América do Sul e Caribe.

O órgão tem por política atualizar seu protocolo de avaliação a cada quatro anos.

No protocolo vigente de 2016 a 2019, os níveis vão de zero até cinco estrelas para adultos e crianças em testes de colisão frontal a 64 km/h, lateral a 50 km/h e lateral contra poste – caso tenha airbag de cortina – a 29 km/h.

QUATRO RODAS já listara os veículos à venda no Brasil com pior desempenho nos testes do programa seguindo esse protocolo. Agora fizemos o inverso: apontamos os 10 modelos que apresentaram os melhores índices de segurança.

Em nossa pesquisa, 12 veículos comercializados em nosso mercado tiveram nota máxima. Assim, o critério de desempate usado para fecharmos a lista em 10 carros foi o total de pontos somados durante a prova.

Menções honrosas para Chevrolet Cruze e Onix Plus 2020, que ficaram fora do ranking final por terem obtido menos pontos que os demais veículos nos testes, mas somaram as mesmas cinco estrelas para adultos e crianças.

O Cruze foi testado com seis airbags e somou 30,23 pontos (de 34 possíveis) para adultos e 39,83 (máximo de 49) para crianças. Já o Onix Plus – também com seis airbags – fez 28,34 para adultos e 42,33 para crianças.

Veja agora a lista com os dez veículos mais seguros vendidos no Brasil, segundo o protocolo do Latin NCAP entre 2016 e 2019. Com uma curiosidade: só há um integrante que não seja de Volkswagen ou Toyota.

10. Toyota RAV4

Latin NCAP/Divulgação

Por ter sete airbags, o SUV da Toyota passou pelos três testes de colisão. No impacto frontal, garantiu segurança boa para quase todo o corpo do manequim, com exceção de tronco e perna esquerda do motorista.

No lateral com poste, o airbag de cortina trabalhou bem e garantiu a proteção do passageiro, mas a região torácica teve proteção apenas adequada.

Proteção para adultos: 5 estrelas (29,42 pontos de 34 possíveis);
Proteção para crianças: 5 estrelas (43 pontos de 49 possíveis).

9. Chevrolet Onix 2020

O novo Chevrolet Onix hatch foi testado em novembro deste ano e, por ter seis airbags, passou por todos os testes do Latin NCAP. O veículo teve boa avaliação, exceto na segurança de pernas e joelhos durante o impacto frontal, e do tórax na batida contra o poste.

Proteção para adultos: 5 estrelas (28,90 pontos de 34 possíveis);
Proteção para crianças: 5 estrelas (44,33 pontos de 49 possíveis).

8. Volkswagen T-Cross

Assim como os veículos citados acima, o Volkswagen T-Cross é equipado com airbag de cortina e, por isso, também passou pelo impacto contra o poste.

O SUV foi bem no teste e até gabaritou a prova de batida lateral, mas teve pendências na proteção para perna direita e tórax do condutor durante a colisão frontal.

Proteção para adultos: 5 estrelas (31,62 pontos de 34 possíveis);
Proteção para crianças: 5 estrelas (42,77 pontos de 49 possíveis).

7. Toyota Corolla

Latin Ncap/Divulgação

O sedã da Toyota segue como referência em segurança e novamente aparece em nosso ranking como um dos melhores.

O Corolla é equipado com sete airbags e ofereceu boa proteção durante o teste, pecando apenas na região dos pés, pernas e tórax do condutor que teve avaliação adequada.

Continua após a publicidade

Proteção para adultos: 5 estrelas (29,41 pontos de 34 possíveis);
Proteção para crianças: 5 estrelas (45 pontos de 49 possíveis).

6. Volkswagen Polo

Com apenas quatro airbags, o hatch também atingiu as cinco estrelas no Latin NCAP.

Assim como os demais, o carro foi bem no teste porém teve avaliação adequada para a proteção de pernas e tórax do condutor e, por isso, não atingiu a pontuação máxima.

Proteção para adultos: 5 estrelas (32,13 pontos de 34 possíveis);
Proteção para crianças: 5 estrelas (43 pontos de 49 possíveis).

5. Volkswagen Jetta

Latin NCAP/Divulgação

Se nas vendas o Corolla está à frente, na segurança quem se sobressai é o Jetta. O sedã da VW teve uma pontuação total muito próxima do Polo e ficou à frente por apenas 0,01 ponto a mais.

Ele só não gabaritou as colisões por ter proteção avaliada como adequada para pernas e tórax do motorista.

Proteção para adultos: 5 estrelas (30,16 pontos de 34 possíveis);
Proteção para crianças: 5 estrelas (44,98 pontos de 49 possíveis).

4. Volkswagen Virtus

Crash-test VW Virtus 2018

O veículo suportou bem o impacto lateral, sendo avaliado como bom. Contra o poste, a região torácica teve avaliação marginal e, na colisão frontal, apenas a proteção d tórax e perna direita foi avaliada como adequada.

As demais partes receberam nota máxima.

Proteção para adultos: 5 estrelas (32,56 pontos de 34 possíveis);
Proteção para crianças: 5 estrelas (43 pontos de 49 possíveis).

3. Toyota Hilux/SW4

A picape da Toyota inicia o pódio já com o título de terceiro veículo mais seguro do ranking. Nos impactos, teve deformação considerada insignificante e proteção boa, com apenas pernas e tórax considerada como adequada.

Proteção para adultos: 5 estrelas (31,63 pontos de 34 possíveis);
Proteção para crianças: 5 estrelas (44,25 pontos de 49 possíveis).

2. Volkswagen Tiguan

Latin NCAP/Divulgação

O Tiguan é o SUV mais seguro da nossa lista e inicia a dobradinha da Volkswagen. O veículo gabaritou o teste de batida lateral e teve avaliação boa, perdendo alguns pontos apenas com a proteção adequada para pernas e tórax.

Proteção para adultos: 5 estrelas (31,94 pontos de 34 possíveis);
Proteção para crianças: 5 estrelas (44 pontos de 49 possíveis).

1. Volkswagen Golf

Latin NCAP/Divulgação

Tendo em vista a grande concorrência e as diferenças decimais entre os modelos, o Volkswagen Golf tem de se orgulhar por ter o primeiro lugar. Ele manteve o título do último levantamento feito em abril deste ano.

Com sete airbags, ele colocou quase um ponto de diferença para o segundo colocado na pontuação total. O veículo foi testado em março de 2017 e quase gabaritou os testes de segurança para adultos.

Proteção para adultos: 5 estrelas (33,30 pontos de 34 possíveis);
Proteção para crianças: 5 estrelas (43,52 pontos de 49 possíveis).

Continua após a publicidade
Publicidade