Assine QUATRO RODAS por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Kwid, Polo, Toro: carros que teriam nota pior na nova regra do Latin NCAP

A maioria dos modelos manteria o mesmo número de estrelas, mas alguns perderiam, segundo estimativa feita por QUATRO RODAS

Por Daniel Telles
Atualizado em 20 set 2019, 18h33 - Publicado em 20 set 2019, 18h31
Novo protocolo do Latin Ncap entra em vigor no ano que vem (Latin NCAP/Divulgação)

O novo protocolo do Latin NCAP começa a valer apenas no ano que vem. Mas como se sairiam os carros com base no novo modelo?

O resultado exato é um mistério, pois os procedimentos futuros vão exigir provas que muitos modelos que já passaram pela instituição não fizeram.

Entre eles está a colisão lateral, colisão contra poste, teste do ESC e avaliação de frenagem autônoma de emergência.

Por conta disso, QUATRO RODAS tomou como base os equipamentos que os modelos oferecem em diferentes versões para estimar a pontuação “corrigida” de proteção para adultos e crianças seguindo as futuras regras.

A ausência de ESC em todas as versões, por exemplo, implicará automaticamente em uma estrela em 2020 e zero a partir de 2021. Este é o caso dos pacotes atuais de Renault Kwid e Nissan March.

Kwid obteve três estrelas na proteção para adultos e crianças no protocolo de 2016 (Latin NCAP/Divulgação)

A proteção para crianças exige a adoção do sistema Isofix para fixação de cadeirinhas, algo que o Fiat Mobi nacional não tem — apesar da versão vendida na Argentina do hatch disponha de tal recurso.

Continua após a publicidade

Por outro lado, modelos que já ofertam AEB (frenagem autônoma de emergência) em pelo menos uma versão se beneficiarão das novas regras.

O Latin NCAP exigirá que o sistema seja implementado, gradualmente, por toda a gama de cada carro. Até 2021 os modelos que desejam ter cinco estrelas precisam ter 50% do volume produzido com oferta de AEB.

Confira a lista abaixo, baseada nos modelos testados de 2016 para cá (período do atual protocolo) e que ainda são vendidos como zero-quilômetro.

Modelo Estrelas no protocolo 2016 Projeção de estrelas no protocolo 2020
 

Chevrolet Onix Plus

 

5 (adultos)

5 (crianças)

 

5 (adultos)

5 (crianças)

 

Chevrolet Cruze

 
Continua após a publicidade

5 (adultos)

4 (crianças)

 

5 (adultos)

4 (crianças)

 

Chevrolet Onix Joy

 
Continua após a publicidade

3 (adultos)

3 (crianças)

 

1 (adultos)

1 (crianças)

 

Fiat Argo/Cronos

 

3 (adultos)

4 (crianças)

 

1 (adultos)

4 (crianças)

 

Fiat Toro

 
Continua após a publicidade

4 (adultos)

4 (crianças)

 

3 (adultos)

4 (crianças)

 

Fiat Mobi

 

1 (adultos)

2 (crianças)

 
Continua após a publicidade

0 (adultos)

0 (crianças)

 

Ford Ka

 

3 (adultos)

4 (crianças)

 

1 (adultos)

4 (crianças)

 

Ford Ranger

 

3 (adultos)

4 (crianças)

 

2 (adultos)

4 (crianças)

 

Mitsubishi Eclipse Cross

 

5 (adultos)

3 (crianças)

 

5(adultos)

3 (crianças)

 

Nissas Frontier

 

4 (adultos)

4 (crianças)

 

3 (adultos)

4 (crianças)

 

Nissan March

 

1 (adultos)

2 (crianças)

 

0 (adultos)

2 (crianças)

 

Nissan Kicks

 

4 (adultos)

4 (crianças)

 

3 (adultos)

4 (crianças)

 

Peugeot 208

 

2 (adultos)

3 (crianças)

 

1 (adultos)

3 (crianças)

 

Renault Sandero/Logan

 

1 (adultos)

3 (crianças)

 

1 (adultos)

3 (crianças)

 

Renault Kwid

 

3 (adultos)

3 (crianças)

 

0 (adultos)

3 (crianças)

 

Renault Captur

 

4 (adultos)

3 (crianças)

 

4 (adultos)

3 (crianças)

 

Toyota Hilux/SW4

 

5 (adultos)

5 (crianças)

 

4 (adultos)

5 (crianças)

 

Toyota Etios

 

4 (adultos)

4 (crianças)

 

4 (adultos)

4 (crianças)

 

Toyota RAV 4

 

5 (adultos)

5 (crianças)

 

5 (adultos)

5 (crianças)

 

Toyota Yaris

 

4 (adultos)

4 (crianças)

 

4 (adultos)

4 (crianças)

 

VW T-Cross

 

5 (adultos)

5 (crianças)

 

5 (adultos)

5 (crianças)

 

VW Fox

 

3 (adultos)

3 (crianças)

 

0 (adultos)

3 (crianças)

 

VW Virtus

 

5 (adultos)

5 (crianças)

 

4 (adultos)

5 (crianças)

 

VW Polo

 

5 (adultos)

5 (crianças)

 

4 (adultos)

5 (crianças)

 

VW Golf

 

5 (adultos)

5 (crianças)

 

5 (adultos)

5 (crianças)

A grande maioria deles teoricamente manteria suas estrelas. Uma das poucas mudanças aconteceria, que não atingiria pontuação suficiente para manter sua única estrela recebida no quesito passageiro criança.

Já Hilux/SW4, Virtus e Polo não atingiriam as cinco estrelas devido à ausência de AEB (para a Hilux/SW4) e falta de seis airbags para os Volkswagen.

O T-Cross é um dos modelos que provavelmente manteria suas 5 estrelas (Latin NCAP/Divulgação)

No caso dos modelos da Volks, porém, a oferta da frenagem autônoma é fácil de ser adotada: as versões europeias de T-Cross e Polo já dispõe do sistema, assim como os seis airbags para o hatch.

Por outro lado, RAV4, Eclipse Cross, T-Cross, Cruze, Golf e o novíssimo Onix Plus manteriam suas notas máximas.

O novo Hyundai HB20, porém, não é capaz de obter cinco estrelas nem pelo protocolo atual, já que ele não oferece airbags laterais de série em todas as versões e o alcance do ESC é restrito na gama.

Vale lembrar que essa é uma projeção que tem como base os resultados obtidos pelos carros nos testes do Latin NCAP ainda sob o protocolo de 2016.

Modelos no primeiro procolo iriam ainda pior: o Volkswagen Up, um dos primeiros nacionais a obter a pontuação máxima, em 2014, iria zerar se testado sob as normas de 2020.

*Colaborou Rodrigo Ribeiro.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Quatro Rodas impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.