Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Ford revela nova geração da Ranger e promete: “será a melhor de todas”

Sem modéstia, Ford garante que nova Ranger será "melhor geração de todas" e marca anúncio para os próximos meses

Por Eduardo Passos 9 set 2021, 09h16
Nova Ford Ranger 2023 tirará o disfarce ainda neste trimestre
Nova Ford Ranger 2023 tirará o disfarce ainda neste trimestre Ford/Divulgação

Pouco dias após ter sua venda garantida ao Brasil, a nova geração da Ranger foi oficialmente revelada pela Ford, que garantiu uma apresentação sem disfarces ainda para 2021. O anúncio veio através de um vídeo no qual a picape média exibe sua extensa capacidade off-road.

Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 8,90

Na peça publicitária a nova Ranger encara de tudo: lama, areia, pedras, neve e obstáculos íngremes sem aparente dificuldade. A Ford não detalha aspectos mecânicos, mas ao menos em vídeo o desempenho aparentemente infalível impressiona. 

Já há alguns meses protótipos da Ranger bem camuflados vinham aparecendo em regiões da Austrália e Nova Zelândia, chamando a atenção pelo volante à esquerda. As especulações eram corretas, e de fato a maioria dos testes ocorrerem na Oceania, onde também foi gravado o vídeo.

“Adotando um novo patamar off-road e o DNA de direção dinâmica da Ford, os clientes se alegrarão com a picape Ranger mais resistente, capaz e conectada já desenvolvida pela Ford”, garantiu a fabricante, que venderá o modelo a partir do ano que vem, inclusive no Brasil.

Fabricante não quis saber de modéstia ao apresentar nova geração da picape
Fabricante não quis saber de modéstia ao apresentar nova geração da picape Divulgação/Ford
Continua após a publicidade

Em termos de conectividade, por exemplo, sabe-se que a picape trará imensa central multimídia vertical, ao estilo da usada pela Fiat Toro. No caso da Ranger, o display será de 12’’ nas versões mais básicas e de imensas 15’’ nas de topo.  Nas Ranger 2023 mais caras também haverá quadro de instrumentos digital de 12’’, além de tecnologias de automação veicular, sistema de câmeras e serviços conectados à nuvem, garantem fontes dos EUA.

Tela de 15,5 polegadas é presa em estrutura de magnésio e domina o interior do Mach-E
Tela de 15,5” do Mustang Mach E será aproveitada na nova Ranger Divulgação/Ford

Duas opções de motores são especuladas: um quatro-cilindros 2.0 turbodiesel de 213 cv e 50,9 kgfm e o V6 3.0 turbodiesel de 253 cv e 61,1 kgfm, em versões mais caras. Esse powertrain já é utilizado pela irmã mais velha F-150.

ford-maverick-with-ranger-and-f-150-size-comparison
Ideia é alinhar estética da Ranger ao estilo de Maverick e F-150 Maverick Truck Club/Reprodução

A estética ainda carece de mais detalhes, mas a dianteira da picape deve seguir de perto o estilo da média-compacta Maverick. A ideia, afirmam, é unificar o trio de caminhonetes da Ford e ter na Ranger uma equivalente à picape do Bronco.

Com a crise de matérias-primas e outros problemas na cadeia de suprimentos infernizando a vida das montadoras — que no Brasil vêm produzindo a meros 50% de capacidade — a Ford não precisou data de lançamento da nova Ranger, mas garantiu que a apresentação do modelo ocorrerá ainda neste ano.

A sucursal brasileira da marca garantiu que tanto a Ranger quanto a Maverick chegarão no ano que vem ao Brasil. A picape média seguirá produzida na Argentina, enquanto a caçula do trio virá, a princípio, do México.

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

Capa quatro rodas 748 agosto 2021
A edição 748 de QUATRO RODAS já está nas bancas! Arte/Quatro Rodas
Continua após a publicidade

Publicidade