Flagra antecipa picape RAM 1500 turbodiesel que chegará ao Brasil este ano

Picape grande usará o mesmo motor do Wrangler e chegará às lojas com preços a partir de R$ 200.000

Motor V6 3.0 turbodiesel terá melhorias para reduzir consumo e emissões

Motor V6 3.0 turbodiesel terá melhorias para reduzir consumo e emissões (5thGenRams/Internet)

A RAM 1500 turbodiesel está confirmada para o Brasil – e você, leitor da QUATRO RODAS, já sabia desde janeiro. E só agora a picape, que era mantida sob sigilo até nos EUA, foi flagrada.

De acordo com o fórum 5thGenRams, a novidade foi vista nos arredores da cidade norte-americana de Detroit quase sem disfarces, com exceção do logotipo sobre o capô.

Picape chegará ao Brasil na segunda metade de 2019

Picape chegará ao Brasil na segunda metade de 2019 (5thGenRams/Internet)

Por lá, o modelo deverá chegar às concessionárias da marca ainda no primeiro semestre deste ano, enquanto, para nós, a previsão de chegada é para o segundo semestre de 2019.

O motor é praticamente igual ao V6 3.0 turbodiesel utilizado pelo novo Jeep Wrangler, só que recebeu uma série de mudanças para melhorar os números de potência e torque.

Por fora, quase não há mudanças no visual

Por fora, quase não há mudanças no visual (5thGenRams/Internet)

Além do desempenho, o fórum adianta que haverá pistões com baixo atrito para reduzir consumo e emissões. Já o câmbio será sempre automático de oito marchas.

Segundo fontes ouvidas por QUATRO RODAS, a RAM 1500 custará de R$ 220.000 a R$ 250.000 no Brasil, ligeiramente abaixo dos R$ 264.990 pedidos pela RAM 2500.

Logotipo identifica a nova motorização do modelo

Logotipo identifica a nova motorização do modelo (5thGenRams/Internet)

Com a desistência da Mercedes-Benz em trazer a Classe X, que também teria motor V6, restará à VW Amarok, com 245 cv, disputar o título de picape diesel mais potente do país.

Entretanto, com 5,91 metros de comprimento, 2,08 m de largura, 1,97 m de altura e 3,67 m de entre-eixos, a novidade norte-americana ficará isolada acima dos modelos médios.

Para alegria dos fãs, diferentemente da irmã 2500, o modelo menor não será considerado um comercial leve, o que dispensa a CNH com categoria C e as restrições de circulação.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s