Clique e Assine QAUTRO RODAS por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Estes são os 10 sedãs mais baratos do Brasil em 2023

Do Fiat Cronos ao Toyota Corolla, veja as dez opções de sedãs mais em conta para quem ainda quer resistir à febre dos SUVs

Por João Vitor Ferreira
Atualizado em 3 abr 2024, 16h36 - Publicado em 1 abr 2023, 13h38

Eles já não são mais os preferidos dos consumidores e viram os SUVs tomar conta do mercado. Mas ainda há aqueles tiosões fãs fiéis que não dispensam um bom sedã, seja pelo bom espaço interno e volume do porta-malas ou então pela elegância de dirigir um três volumes.

Separamos aqui os dez sedãs mais baratos do mercado, que podem ser alternativas bem econômicas para quem está cansado de tantos SUVs.

Fiat Cronos 1.0 – R$ 84.790

Fiat Cronos 1.0 Drive
Única mudança visual são as duas barras paralelas na grade dianteira (Fernando Pires/Quatro Rodas)

Se nos primeiros anos de mercado o Fiat Cronos ficou à sombra do Grand Siena, agora o sedã tem seu espaço e se firmou no posto de sedã mais barato do Brasil. A versão mais barata não tem nome e tem motor 1.0 Firefly de 75 cv, junto de um câmbio manual de cinco marchas. Custa  R$ 84.790 e não tem muitos equipamentos, sendo o único desta lista que não tem central multimídia de série.

Se o câmbio manual for um problema para você, o sedã da Fiat também tem preço bem convidativo nas versões com câmbio CVT e motor 1.3 de 107 cv. Essa, que é a topo de linha, está custando R$ 99.990 e, atualmente, é o segundo sedã automático mais barato do mercado, sendo superado por um rival que aparecerá um pouco mais abaixo nessa lista.

Chevrolet Onix Plus – R$ 87.590

Onix Plus
(Divulgação/GM)

O Chevrolet Onix Plus é outro que se destaca por ter duas versões que poderiam constar na lista. A LT com motor 1.0 aspirado de 80 cv e câmbio manual de cinco marchas é a mais barata, de fato, e custa R$ 87.590.

Compartilhe essa matéria via:

Entretanto, não podemos deixar de fazer a menção honrosa a versão LT turbo, com motor 1.0 de 116 cv. Ao contrário do Cronos, essa não tem transmissão CVT, mantendo o câmbio de cinco velocidades da variante aspirada, mas tem motor mais potente e econômico pelo preço de R$ 96.750. O Onix Plus é o sedã mais vendido de 2023.

Continua após a publicidade

Hyundai HB20S – R$ 88.790

Hyundai HB20S 2023
(Divulgação/Hyundai)

Longe dos dias de glória, o Hyundai HB20S não vai nada bem nas vendas, assim como sua versão hatchback. O sedã foi apenas o 28° carro mais vendido em fevereiro, longe de Onix e Cronos, mas ainda assim, à frente de muitos outros dessa lista.

O HB20S é um dos mais “novos” da lista, pois recebeu um facelift no meio do ano passado, quando teve sua dianteira e a traseira renovados. Na versão de entrada, Comfort, o sedã é equipado com motor 1.0 aspirado de 80 cv e câmbio manual de cinco marchas e custa R$ 88.790. Há, ainda, a versão Limited, um pouco mais equipada e que parte dos R$ 94.290. Todas as outras passam dos R$ 100.000 e têm motor 1.0 turbo de 120 cv.

Renault Logan – R$ 89.560

Logan 2023
(Divulgação/Renault)

Sim, o Renault Logan ainda está em produção, mas sem o mesmo prestígio de anos atrás. Ele também não tem mais uma grande variedade de versões, sendo vendido na Life, que custa R$ 89.560, e Zen, de R$ 92.390. 

Ambas são equipadas com motor 1.0 aspirado de 80 cv e câmbio manual de cinco marchas. Não é um conjunto muito atrativo. Pelo menos mantém o bom porta-malas de 510 l.

Toyota Yaris – R$ 96.490

Yaris x City

Continua após a publicidade

O Toyota Yaris nunca figurou entre os principais sedãs compactos do mercado, mas sempre serviu como uma opção mais barata para os fãs da marca e do Corolla. Mas, depois das reduções de preço do início do ano, o carro ganhou um motivo para se destacar mais na venda.

É dele o título de sedã CVT mais barato do Brasil, desbancando o Fiat Cronos. Além do câmbio automático, o Yaris, em todas as versões, está equipado com motor 1.5 aspirado de 110 cv e parte dos R$ 96.490.

Nissan Versa – R$ 101.690

Versa 2023
(Divulgação/Nissan)

O Nissan Versa 2023 foi apresentado no início de fevereiro como um banho de água fria. Todos esperavam a versão reestilizada já à venda no México, porém, quem chegou foi um modelo idêntico ao que já tínhamos e com pouquíssimas novidades.

Assim como na estética, o conjunto mecânico também não mudou, mantendo-se sempre com motor 1.6 de 114 cv e câmbio CVT. O Versa parte dos R$ 101.690, sendo uma opção mais barata aos conterrâneos Toyota Yaris e Honda City, mas que deve um pouco em desempenho e equipamentos.  

Volkswagen Virtus – R$ 103.990

Novo Virtus Highline
(Divulgação/Volkswagen)

Recém reformulado, o Volkswagen Virtus passou por uma boa alteração, não só estética, mas também, nos preços e versões, buscando preencher um leque maior de opções na linha 2023. A versão de entrada, que custa R$ 103.990, preenche a lacuna deixada pelo Voyage, enquanto as mais cara, que passa dos R$ 130.000, é quase um substituto para o Jetta 1.4.

Continua após a publicidade

Sob o capô, o modelo mais básico traz o 1.0 turbo de 116 cv, junto do câmbio manual de cinco marchas. Se optar pelo automático de seis velocidades, terá que desembolsar exatos R$ 9.000 a mais.

Honda City – R$ 117.300

Honda City
(Divulgação/Honda)

Já que o Honda Civic agora beira os R$ 250.000 e é sempre híbrido, coube ao City ocupar a vaga de sedã mais barato da marca. Principal rival do Yaris, o City ganhou novo visual no final de 2021 e ainda pode ser considerado um modelo recente.

Todas as três versões são equipadas com motor 1.5 aspirado que rende até 126 cv e câmbio CVT que simula sete marchas. Seu preço parte dos R$ 117.300 e vai até R$ 135.600, na versão topo de linha que em nosso último comparativo, se saiu melhor que o rival da Toyota.

Kia Cerato – R$ 136.490

cerato
Faróis dianteiros têm projetores e luzes diurnas de led integradas (Christian Castanho/Quatro Rodas)

Custando a partir de R$ 136.490, o Kia Cerato talvez seja a grande surpresa da lista, ocupando o posto que, em outras épocas, seria do Civic. Mas não sabemos por quanto tempo. Isso porque a Kia já garantiu que a versão reestilizada do sedã chegará ainda em 2023.

As mudanças visuais são profundas e deixarão o Cerato mais moderno e esportivo. Além disso, ela vai substituir o motor 2.0 aspirado de 167 cv atual, por um turbo, que possivelmente será o 1.6 de 203 cv do modelo americano.

Continua após a publicidade

Toyota Corolla – R$ 146.490

Corolla
(Toyota/Divulgação)

Quem fecha a lista é o Toyota Corolla, que assim como o Yaris, também teve seus preços reduzidos no começo do ano. Nesse caso, foi para ficar mais atrativo que o novo Nissan Sentra.

De fato, o Corolla pegou a última vaga por muito pouco. Custando R$ 146.490, apenas R$ 2.000 separam as versões básicas de cada um dos sedãs médios, que prometem ser a nova principal rivalidade dentro do seguimento.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Quatro Rodas impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 14,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.