Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

CEO da Audi descarta produzir minivans

Foco da marca será mantido nos SUVs

Por Rodrigo Furlan Atualizado em 9 nov 2016, 14h31 - Publicado em 6 jun 2015, 11h23
fabricantes

Cada vez menos populares no mercado mundial, as minivans não terão vez na gama da Audi. Ao menos é essa a afirmação feita por Rupert Stadler, CEO da montadora alemã, em entrevista ao site Automotive News. De acordo com o executivo, o fato de as concorrentes da Audi terem esse tipo de monovolume não influenciará a marca das quatro argolas.

“Enquanto elas (BMW, Mercedes-Benz) preferiram minivans, nós escolhemos os SUVs, como o Q1. O segmento dos utilitários esportivos tem uma taxa de aprovação maior. Consumidores são mais inclinados a comprar um SUV e a pagar um preço maior por isso porque consideram essa uma escolha emocional. Nós preferimos ser a escolha emocional à racional”, disse.

Além do Q1, SUV compacto que brigará com BMW X1 e Mercedes-Benz GLA, Stadler confirmou que a Audi produzirá o Q8, modelo que competirá entre os utilitários grandes. “Independentemente do tamanho do carro, queremos ter os modelos mais requisitados de cada segmento”, finalizou.

Na foto: Audi Q3 Vail concept

Continua após a publicidade

Publicidade