Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Carros que saem de linha tendem a valorizar no mercado de usados

Estudo inédito com 64 modelos que foram descontinuados desde o início da pandemia mostrou que a maioria valorizou neste período

Por Isadora Carvalho Atualizado em 27 ago 2021, 17h06 - Publicado em 27 ago 2021, 16h16
Audi A3 Sedan na posição 3x4 de frente
Audi A3 Sedan foi o modelo que mais valorizou com alta de mais de 20% Divulgação/Audi

Todo mundo sabe que, ao sair de linha, qualquer modelo tem o seu preço desvalorizado imediatamente. Será? Essa premissa poderia ser levada como verdade absoluta até bem pouco tempo atrás, mas atualmente a descontinuação não provoca necessariamente uma queda vertiginosa de preços entre os seminovos, ao contrário, em média alguns modelos têm até se valorizado nos últimos tempos.

Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 8,90.

De acordo com uma pesquisa da Mobiauto, que levou em consideração 64 veículos e versões 2019 e 2020, que foram tirados de linha durante a pandemia, a aposentadoria não é mais uma condenação categórica à alta desvalorização.

Desse estudo, 20 veículos valorizaram mais do que a média do mercado (que foi de 7% no período). O campeão de valorização foi o Audi A3 Sedan Prestige 2020, que custava R$ 122.651 em março de 2020 e chegou a abril de 2021 sendo vendido a R$ 147.456 – alta de 20,22%.

Carros fora de linha
Mobiauto/Divulgação

Na vice-liderança está o Toyota Etios X Plus 2020, que teve aumento de preços em 13 meses de 15,08% ou de R$ 7.558.

Continua após a publicidade

Abaixo, você confere as listas dos 10 modelos descontinuados que mais valorizaram durante a pandemia:

Tabela Mobiauto

“Apenas 18 veículos (dos 64) tiveram queda nos preços”, informa o CEO da Mobiauto, Sant Clair Castro Jr. O executivo defende que o mercado automotivo vem sofrendo profundas transformações influenciado por diversos fatores como, por exemplo, a multiplicação de alternativas para buscar peças de reposição mesmo de carros fora de linha, advindas do universo trazido pela internet.

Segundo Castro Jr., isso facilita a vida dos consumidores na medida em que a regra anterior condenava vários bons produtos ao esquecimento, bem como frustrava alguns consumidores por terem que rejeitar veículos de sua preferência.

Abaixo os modelos descontinuados que mais perderam valor desde o início da pandemia:

tabela mobiauto 2
Mobiauto/Reprodução

Dos dez modelos descontinuados que mais perderam valor de março de 2020 para cá, cinco são Ford e cinco Citroën. E, nesses casos, definitivamente, não foi a insegurança de encontrar peças que influenciou os preços para baixo.

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital

Capa quatro rodas 748 agosto 2021
Arte/Quatro Rodas
Continua após a publicidade

Publicidade