Sandero, Fit, Yaris ou March: as opções de compactos com câmbio CVT

Renault Sandero é o mais novo integrante do mercado. Veja como ele se posiciona perante os rivais que usam o mesmo tipo de caixa

Sandero, Yaris, Fit e March: compactos com câmbio CVT

Sandero, Yaris, Fit e March: compactos com câmbio CVT (Arte/Quatro Rodas)

Em 2019, o mercado brasileiro consolidará a “viradade de chave” de um país que prioriza carros com câmbio manual para passar a tirar mais das concessionárias veículos sem pedal de embreagem.

Entre as opções automáticas/automatizadas está a caixa CVT (continuamente variável), que aos poucos começa a se tornar comum em modelos de apelo mais popular.

Entre suas maiores vantagens, caso o casamento com o motor seja bem calibrado, está o conforto de rodagem e a economia em consumo de combustível.

Está procurando um compacto com bom custo/benefício dotado de câmbio CVT? Fizemos uma comparação das fichas técnicas e de testes dos quatro disponíveis no mercado no momento e vamos mostrar qual é o melhor.

Sandero 1.6 CVT

Sandero 1.6 CVT (Fernando Pires/Quatro Rodas)

O mais novinho é o Renault Sandero: é o menos econômico de todos – percorre 10km/l em uso urbano e 13,4 km/ nas rodovias com gasolina -, e também o mais lento na prova de 0 a 100km/h (12,3 segundos).

Por outro lado, tem um preço de saída mais acessível, um excelente vão livre do solo e oferece o maior espaço interno, graças à largura e ao entre-eixos avantajados.

Fit 1.5 CVT

Fit 1.5 CVT (Divulgação/Honda)

O Honda Fit tem um preço elevado e possui também o pior isolamento acústico.

Porém, oferece excelente porta-malas de 363 litros e cabine modular, graças a um banco traseiro de rebatimento inteligente. Ainda, é o melhor em relação ao consumo – 12,7km/l e 16,3 km/l, respectivamente -, e o segundo melhor em aceleração – 0 a 100 km/h em 11,4 segundos.

Yaris 1.5 CVT

Yaris 1.5 CVT (Christian Castanho/Quatro Rodas)

O Toyota Yaris não é tão esperto quanto o rival da marca conterrânea – leva 12 segundos para ir de 0 a 100 km/h, mas é mais econômico que Sandero e March na cidade, com média de 11,8 km/l. Na estrada, alcança 14,8 km/l e perde um posto para o Nissan. Tudo isso quando usa o motor 1.5 flex.

É aí que mora seu principal ponto de dúvida, pois a versão mais barata com o conjunto 1.5 CVT consegue ser mais cara que o Fit.

É possível adquirir a configuração 1.3 CVT por menos de R$ 70.000, e ela será ainda mais econômica em uso urbano. Porém, perderá desempenho, equipamentos e terá consumo inferior numa rodovia.

March 1.6 CVT

March 1.6 CVT (Christian Castanho/Quatro Rodas)

Por fim, o Nissan March tem consumo aproveita o fato de ser o menor e mais leve de todos os concorrentes para fazer 11,7km/l na cidade e bons 15,8 km/l em trechos rodoviário, além de ser o mais ágil na prova de 0 a 100 km/h (11,1 s).

Só que é o projeto mais antigo e desatualizado de todos, e possui de longe a cabine mais apertada do quinteto.

Confira em detalhes as diferenças entre os modelos:

Honda Fit Nissan March Renault Sandero Toyota Yaris 1.3 Toyota Yaris 1.5
Preço R$ 74.600 (versão LX) R$ 62.190 (versão SV) R$ 62.990 (versão Zen) R$ 68.600 (versão X) R$ 77.190 (versão XS)
Motor flex., diant., transv., 4 cil., 1.497 cm3; 16V, 116/115 cv a 6.000 rpm, 15,3/15,2 mkgf a 4.800 rpm flex, diant., transv., 4 cil., 1.598 cm3, 16V, 111 cv a 5.600 rpm, 15,1 mkgf a 4.000 rpm flex, dianteiro, transversal, 4 cil. em linha, 16V, 1.597 cm3; 118 cv a 5.500 rpm, 16 mkgf a 4.000 rpm flex, diant., transv., 4 cil., 16V, 1.329 cm³, 101/94 cv a 5.600 rpm, 12,9/12,5 mkgf a 4.000 rpm flex, diant., transv., 4 cil., 16V, Dual VVTi, 1.496 cm3; 110/105 cv a 5.600 rpm, 14,9/14,3 mkgf a 4.000 rpm
Câmbio automático, CVT, 7 marchas simuladas, tração dianteira automático, CVT (continuamente variável), tração dianteira automático, CVT, 6 marchas simuladas, tração dianteira automático, CVT, 7 marchas simuladas, tração dianteira automático, CVT, 7 marchas simuladas, tração dianteira
Suspensão McPherson (diant.) e eixo de torção (tras.) McPherson (diant.) e eixo de torção (tras.) McPherson (dianteira) e eixo de torção (traseira) McPherson (diant.) e eixo de torção (tras.) McPherson (diant.) e eixo de torção (tras.)
Freios discos ventilados (diant.) e tambores (tras.) discos ventilados (diant.) e tambores (tras.) discos ventilados (diant.) e tambores (tras.) discos ventilados (diant.) e tambores (tras.) discos ventilados (diant.) e tambores (tras.)
Direção elétrica elétrica eletro-hidráulica
elétrica elétrica
Rodas e Pneus liga leve, 185/55 R16  liga leve, 185/55 R16 liga leve, 205/55 R16 185/60 R15 liga leve, 185/60 R15
Dimensões comprimento, 399,8 cm; largura, 169,4 cm; altura, 153,5 cm; entre-eixos, 253 cm; peso, 1.101 kg; tanque, 46 l; porta-malas, 363 l comprimento, 382,7 cm; largura, 167,5 cm; altura, 152,8; entre-eixos, 245 cm; peso, 999 kg; porta-malas, 265 l; tanque de combustível, 41 l comprimento, 407 cm; altura, 157 cm; largura, 173 cm; entre–eixos, 259 cm; peso, 1.140 kg; tanque, 50 l; porta-malas, 320 l comprimento, 414,5 cm; largura, 173 cm; altura, 149 cm; entre-eixos, 255 cm; peso, 1.110 kg; tanque de combustível, 45 l comprimento, 414,5 cm; altura, 149 cm; largura, 173 cm; entre- -eixos, 255 cm; peso, 1.150 kg; tanque, 45 l; porta-malas, 310 l
Consumo Urbano 12,7 km/l 11,7 km/l 10 km/l 12,1 km/l 11,8 km/l
Consumo rodoviário 16,3 km/l 15,8 km/l 13,4 km/l 14 km/l 14,8 km/l
Aceleração de 0 a 100 km/h 11,4 s 11,1 s 12,3 s 12,3 s 12 s
Aceleração de 0 a 1.000 m 32,9 s – 159,5 km/h 32,6 s – 157,9 km/h 34,5 s – 147,1 km/h 34,2 s –  151,5 km/h 33,5 s – 158 km/h

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Achei esse comparativo “meia boca”, pois o novo Sandero está mais para competir com o Onix do que com o FIT ou o Yaris.