Os custos de propriedade e uso dos principais SUVs do mercado

Modelos com preços de aquisição menores podem ter custos de rodagem maiores - e vice-versa

(divulgação/Internet)

Que os SUVs tomaram o mundo, todo mundo sabe. No Brasil, entre janeiro e maior de 2017, eles ficaram em segundo lugar de emplacamentos com 21,6% do mercado, atrás apenas dos hatches compactos, com 26,2%. No entanto, grande parte dos consumidores leva os modelos para casa no escuro, apenas pelas percepções de estilo e robustez, sem considerar os custos a serem despendidos.

Os dados das tabelas a seguir, colhidos pela consultoria Jato, revelam todos os gastos dos modelos durante 36 meses, considerando a rodagem de 20.000 km por ano (60.000 km no total). Foram considerados depreciação, combustível, seguro, revisões em concessionárias, manutenção, pneus, juros e impostos. Os modelos foram separados em dois grupos: acima e abaixo de R$ 90.000, sendo seis diferentes para cada grupo.

No primeiro pelotão estão EcoSport SE 1.6, EcoSport Freestyle 2.0 4×4, Duster Dynamique 1.6, Duster Dynamique 2.0, Creta Pulse 1.6 e Renegade Sport 1.8, com preços entre R$ 73.490 (Duster Dynamique) e R$ 87.990 (Renegade Sport).

Apesar do Duster 1.6 ter o menor preço de aquisição, seus valores de depreciação, combustível, manutenção e pneus são maiores que os do EcoSport SE, que acaba tendo o menor custo de propriedade. No período estipulado, o Ford fará seu dono desembolsar R$ 106.669, enquanto o Renault demandará R$ 108.128.

O curioso é notar a variação dos custos entre a versão SE 1.6 (de entrada) e a Freestyle 2.0 (topo de linha) do EcoSport. Enquanto na primeira um jogo de pneus aro 15 sai por R$ 2.346, na segunda (com aro 16) o valor sobe para R$ 3.549. Já as revisões, apesar da motorização maior e da tração 4×4, passa de R$ 3.193 do SE para R$ 3.502 do Freestyle – ou poucos R$ 309 a mais.

No final das contas, a diferença de R$ 5.900 no valor de aquisição das duas versões sobe para R$ 16.577 (ao longo de três anos) quando são considerados os custos de propriedade e uso.

Já o Renegade Sport 1.8 flex compensa o preço de aquisição mais alto com o menor valor de depreciação. Na ponta do lápis, seus custos de propriedade e uso ao longo de três anos são menores que o de modelos mais baratos.

EcoSport SE 1.6 Duster Dynamique 1.6 Renegade Sport 1.8 Creta Pulse 1.6 EcoSport Freestyle 2.0 Duster Dynamique 2.0
Preço R$ 78.800 R$ 73.490 R$ 87.990 R$ 85.740 R$ 84.700 R$ 85.070
Depreciação R$ 28.817 R$ 30.903 R$ 27.523 R$ 31.424 R$ 32.728 R$ 40.451
Combustível R$ 20.182 R$ 21.583 R$ 22.200 R$ 20.447 R$ 24.667 R$ 23.908
Seguro R$ 13.326 R$ 9.683 R$ 9.196 R$ 13.965 R$ 10.144 R$ 10.371
Revisões R$ 3.193 R$ 3.965 R$ 5.559 R$ 3.695 R$ 3.502 R$ 3.966
Manutenção R$ 5.547 R$ 8.389 R$ 8.613 R$ 8.051 R$ 7.598 R$ 5.976
Pneus R$ 2.346 R$ 3.612 R$ 2.501 R$ 3.174 R$ 3.549 R$ 3.612
Juros R$ 25.092 R$ 22.702 R$ 28.826 R$ 27.290 R$ 26.666 R$ 25.467
Impostos R$ 8.166 R$ 7.290 R$ 9.449 R$ 9.147 R$ 8.492 R$ 8.187
Total R$ 106.669 R$ 108.128 R$ 113.867 R$ 117.193 R$ 117.346 R$ 121.938
custo/mês R$ 2.963 R$ 3.004 R$ 3.110 R$ 3.255 R$ 3.260 R$ 3.387
custo/km R$ 1,78 R$ 1,80 R$ 1,90 R$ 1,95 R$ 1,96 R$ 2,03

No caso do Renault Duster Dynamique 2.0, chama a atenção o altíssimo valor de depreciação ao longo de três anos (R$ 40.451, ou quase metade do valor de aquisição). Com isso, ele acaba tendo um custo de propriedade e uso maior que o de modelos mais caros, como Jeep Renegade Sport 1.8 e o Hyundai Creta Pulse 1.6.

Na tabela mais abaixo, com modelos que custam acima dos R$ 90.000, estão HR-V EX 1.8, Tracker LTZ 1.4 turbo, Hyundai Creta Prestige 2.0, Hyundai ix35 GL 2.0, Kicks SL 1.6 e Renegade Sport 2.0 turbodiesel.

Graças aos custos de depreciação e seguro reduzidos, o HR-V EX acaba tendo um custo de propriedade menor que o de concorrentes diretos, como o Nissan Kicks SL e o Chevrolet Tracker LTZ, mesmo considerando que a Honda acaba cobrando mais pelas revisões.

Já os exemplos de Renegade Sport 2.0 diesel e Hyundai ix35 2.0 flex mostram como a aquisição de um veículo movido a diesel pode valer a pena a médio-longo prazo. Mesmo tendo um custo de aquisição R$ 14.440 maior que o ix35, o Renegade acaba tendo um custo de propriedade e uso R$ 7.607 menor depois de três anos.

HR-V EX 1.8 Kicks SL 1.6 Tracker LTZ 1.4 Creta Prestige 2.0 Renegade Sport 2.0 Hyundai ix35 2.0
Preço R$ 93.000 R$ 93.490 R$ 92.390 R$ 99.990 R$ 123.490 R$ 109.050
Depreciação R$ 24.003 R$ 30.422 R$ 23.606 R$ 35.666 R$ 40.196 R$ 40.599
Combustível R$ 20.182 R$ 17.659 R$ 20.182 R$ 20.720 R$ 18.231 R$ 23.545
Seguro R$ 10.846 R$ 15.007 R$ 12.478 R$ 14.895 R$ 16.908 R$ 25.169
Revisões R$ 5.458 R$ 3.668 R$ 3.283 R$ 4.807 R$ 4.012 R$ 4.564
Manutenção R$ 6.804 R$ 5.839 R$ 15.475 R$ 8.051 R$ 8.092 R$ 9.767
Pneus R$ 2.632 R$ 2.363 R$ 4.854 R$ 3.174 R$ 5.463 R$ 4.314
Juros R$ 31.351 R$ 30.424 R$ 31.187 R$ 31.995 R$ 40.184 R$ 34.599
Impostos R$ 10.187 R$ 9.721 R$ 10.138 R$ 10.477 R$ 12.866 R$ 11.003
Total R$ 111.462 R$ 115.102 R$ 121.202 R$ 129.785 R$ 145.953 R$ 153.560
custo/mês R$ 3.096 R$ 3.197 R$ 3.367 R$ 3.605 R$ 4.054 R$ 4.266
custo/km R$ 1,86 R$ 1,92 R$ 2,02 R$ 2,16 R$ 2,43 R$ 2,56
Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. Anuar Martins

    Por que o alto custo de manutenção da Tracker?!!

  2. rodrigo moreira

    Por quê esta diferença enorme no custo de pneus do renegade sport flex e sport diesel, sendo que utilizam a mesma medida e especificação de pneus na versão sport, independente da motorrização/combustível? (Até onde sei as medidas de pneus mudam conforme a versão Sport – > Longitude -> TrailHawk, e não simplesmente pelo motor/combustível).

  3. Muito estranha essa tabela… O creta nem existia a 3 anos atrás, a desvalorização do ix 35 de acordo com a Fipe desde junho/2014 é de 25 mil e não 40 mil, e de onde tiraram esse juros que varia de acordo com o modelo do carro e não com o valor dele?

  4. HardWing Plays

    Esses seguros estão supervalorizados

  5. HardWing Plays

    Não entendi, não existe depreciação de 36 meses de um carro de apenas dois anos de existência renegade (2015), o que provavelmente irá aumentar em mais 10% a depreciação, ficando acima de 30k, isso sem contar com a vida real que faz o motor 1.8 do RN não ter uma boa aceitação. Depreciação do Creta foi totalmente especulativa. Duster 2.0 está meio exagerado pois encontrei uma média de 30/35k nunca de 40k. Nem vou questionar o valor do seguro de um duster com a QR. No fim numa análise mais realista, o RN 1.8 teria o custo de manutenção maior que todos os veículos e o Duster 2.0 numa análise mais realista sairia com 5k a menos no custo total.

  6. Alex Moreira

    Essa tabela é furada total. Até tentaram fazer uma matéria, mas deu ruim.

  7. Muito interessante esta visão. Há leves falhas, mas dá pra ter uma noção do custo de se ter um carro. O campo juros retrata se, ao invés de comprar o carro, a pessoa aplicasse o dinheiro que gastaria na compra do mesmo e recebesse a taxa selic como retorno do investimento. interessante