Assine QUATRO RODAS por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Zeekr planeja estreia no Brasil em 2024 com crossover e SUV elétricos

Tanto o crossover Zeekr 001 quanto o SUV compacto Zeekr X são elétricos e prometem luxo e segurança equivalente ao de um Volvo

Por Henrique Rodriguez Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 5 dez 2023, 07h19 - Publicado em 5 dez 2023, 06h00

Nas últimas duas semanas a Zeekr deu três passos importantes em sua estratégia de se tornar uma marca de carros elétricos global.

Primeiro, inaugurou sua primeira concessionária na Europa, em Estocolmo (Suécia). No dia seguinte, apresentou seu quarto carro, o sedã Zeekr 007, no Salão de Guangzhou. E na semana passada abriu suas primeiras vagas de emprego no Brasil, conforme noticiado por QUATRO RODAS. A marca pretende ter dois carros elétricos à venda no Brasil dentro de exatamente um ano.

Zeekr 007
Zeekr 007 (Zeekr/Divulgação)

Enviado ao Brasil há um mês, o gerente nacional Charles Wang é quem está encarregado de dar a largada nas operações no Brasil. É missão dele contratar os primeiros funcionários, buscar um endereço no país, contratar empresas para viabilizar a homologação dos carros e prospectar parceiros interessados em representar a Zeekr. Wang adiantou, em primeira mão, a estratégia da marca para o Brasil.

Quem é a Zeekr?

A Zeekr foi fundada há menos de três anos e é uma das marcas mais novas do Grupo Geely (primeira fabricante de automóveis não estatal da China), atual proprietário das marcas Lotus, Lynk & Co., Volvo e Polestar. Isso explica o fato de o centro de design da Zeekr estar na Suécia, que está servindo como porta de entrada para a marca na Europa.

Dentro da dezena de marcas de automóveis controladas pela Geely, a Zeekr estaria posicionada no mesmo patamar de luxo e requinte da Volvo, explica Wang. Contudo, a Zeekr está mais voltada para a esportividade e tecnologia embarcada, e seus carros que custam menos que os Polestar (divisão esportiva da Volvo que se tornou uma marca). Além disso, a marca estreante só tem carros elétricos.

Zeekr 001
Zeekr 001 (Zeekr/Divulgação)

São carros muito diferentes dos Geely GC2 e EC7, vendidos no Brasil pelas mãos do Grupo Gandini (Kia) entre 2014 e 2016.

Continua após a publicidade

Embora os carros da Zeekr tenham características bem particulares, a marca segue alguns preceitos da Volvo, como desenvolver carros que sejam capazes de receber cinco estrelas em todos os crash tests feitos no mundo. Dizem também realizar teste de colisão com o fundo do carro para provar a segurança quanto a impactos com a bateria instalada sob o carro.

A operação no Brasil está apenas no início, mas o tempo urge. De acordo com Wang, os primeiros carros para iniciar o processo de homologação no Brasil estão previstos para chegar em meados de janeiro e todo o processo pode demorar até seis meses. Enquanto isso, ainda precisará estabelecer sua rede de concessionários no país.

Quais carros estão confirmados para o Brasil?

Zeekr 001
Zeekr 001 (Zeekr/Divulgação)

O nome não poderia ser mais sugestivo. Primeiro carro lançado pela fabricante, ainda em 2021, o Zeekr 001 pode se passar por carros de diferentes segmentos, dependendo de como é visto. A Zeekr o trata como um shooting brake, uma perua que flerta com o desenho de um cupê. Mas sua suspensão pneumática pode garantir um vão livre do solo de até 20 cm, um número compatível com um SUV. O melhor é tratá-lo como um crossover.

Zeekr 001
Zeekr 001 (Zeekr/Divulgação)

Por outro lado, este modelo também desafia alguns supercarros com o 001 FR, uma versão com quatro motores e um total de 1.265 cv e 130,52 kgfm. O carro ainda tem diversos componentes em fibra de carbono, como teto, para reduzir seu peso e alcançar o 0 a 100 km/h em 2,7 s, número prometido pela empresa. Apenas 99 unidades serão fabricadas.

Outra versão importante tornou fez do 001 o carro elétrico com a maior autonomia do mundo: 1.032 km por carga segundo o ciclo CLTC (chinês). Combina um motor elétrico traseiro de 272 cv com o enorme conjunto de baterias CATL Qilin de 140 kWh. Mas essa opção está limitada a apenas 1.000 unidades.

Continua após a publicidade
Zeekr 001 FR
Zeekr 001 FR (Zeekr/Divulgação)

A configuração destinada ao Brasil é exatamente a mesma que dirigimos na Europa, com dois motores que somam 544 cv e tempo de 0 a 100 km/h de 3,8 s. A fabricante declara uma autonomia de até 580 km com o conjunto de baterias de 100 kW desta versão. E foi exatamente esta a versão que se tornou o carro elétrico a fazer drift em maior velocidade.

Na Alemanha, onde a Zeekr está em pré-venda na internet, o 001 com dois motores custa 67.000 euros, o equivalente a R$ 360.000. As primeiras entregas acontecerão no segundo trimestre de 2024.

Zeekr X
Zeekr X (Zeekr/Divulgação)

Outro carro já confirmado é o Zeekr X, um SUV compacto que compartilha a plataforma SEA-E com o Volvo EX30 e com o Smart #1 (a Geely também é acionista da Smart, bem como da Mercedes e da Aston Martin). Mas tem funcionalidades próprias, como a central multimídia de 14,6″ que se desloca eletricamente para a frente do carona, que ainda pode reclinar seu assento como uma poltrona.

Zeekr X
Zeekr X (Zeekr/Divulgação)

Para que essa poltrona ser possível, o assento traseiro precisa ser erguido, exatamente como fazem os Honda HR-V, City e Fit. Além disso, o SUV da Zeekr tem um compartimento entre os assentos dianteiros que pode funcionar como estufa, geladeira ou freezer (a marca declara uma variação de temperatura enorme, entre 50°C e -50°C).

Zeekr X
Zeekr X (Zeekr/Divulgação)

Duas configurações do Zeekr X estão confirmadas: uma com apenas um motor elétrico (montado na traseira) com 272 cv e outra com dois motores elétricos, um por eixo, que entrega 428 cv. São exatamente os mesmos números do Smart #1. O mais potente promete 0 a 100 km/h em 3,9 s.

Continua após a publicidade
Compartilhe essa matéria via:

Com uma bateria de 60 kWh, a marca anuncia autonomia variando entre 512 e 560 km no otimista ciclo chinês.

Zeekr X
Zeekr X (Zeekr/Divulgação)

Na Alemanha, o Zeekr X custa 45.000 euros (R$ 245.000) na versão com motor traseiro e 50.000 euros (R$ 268.000) na versão com dois motores. É mais caro que o Volvo EX30, que por lá custa entre 37.000 e 47.000 euros. No Brasil, o EX30 partirá dos R$ 219.950. Será que essa lógica fará sentido se for replicada no Brasil?

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Os automóveis estão mudando.
O tempo todo.

Acompanhe por QUATRO RODAS.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Quatro Rodas impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.