Clique e Assine QAUTRO RODAS por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Zeekr estreia no Brasil em setembro com pinta de Porsche e preço de Volvo

Fabricante chinesa estreia no Brasil em setembro apenas com carros elétricos de luxo que podem beirar os 800 cv

Por Henrique Rodriguez, de Xangai (China)
Atualizado em 9 jul 2024, 00h20 - Publicado em 8 jul 2024, 14h00

O nome Zeekr ainda pode soar estranho aos brasileiros, mas a fabricante começará a vender seus carros no Brasil em setembro. De todas as marcas chinesas que estão preparando sua estreia no Brasil, a Zeekr é a única focada em carros elétricos de luxo e já tem dois modelos garantidos para sua estreia. E não serão tão caros assim.

A estratégia de lançamento já está definida. A marca Zeekr fará sua estreia no Brasil em agosto, com o objetivo de se apresentar. Mas podemos adiantar que trata-se de uma marca do Grupo Geely criada há três anos e que compartilha plataforma, motores e baterias com carros de Volvo e Smart, que pertencem ao mesmo conglomerado.

Para setembro está marcada a abertura de pelo menos 10 concessionárias no Brasil e o início da pré-venda. Os dois primeiros modelos disponíveis serão o Zeekr X, um SUV médio, e o Zeekr 001, uma espécie de crossover esportivo com trejeitos de shooting brake – algo como um Porsche Taycan Cross Turismo.

As entregas das primeiras unidades vendidas, por sua vez, está prevista para acontecer em outubro.

Zeekr X
Zeekr X (Zeekr/Divulgação)

Neste primeiro contato mais aprofundado com a marca, em Xangai, foi possível entender o que é a Zeekr na China. A marca em si surgiu há apenas três anos a partir das costelas da Link&Co. A Geely simplesmente identificou uma oportunidade de dar ao 001 uma marca independente para poder enfrentar marcas como Tesla e Nio, muito bem-sucedidas na China.

O design dos carros é, no mínimo, diferente e assinado pelo estúdio da marca em Gotemburgo, na Suécia – o centro de design de Xangai abriu há menos de dois meses. Não são parecidos com outros carros elétricos chineses do mesmo segmento, o que até pode ser bom.

Continua após a publicidade
Zeekr 001
(Geely/Divulgação)

Algumas particularidades se destacam, como a sobriedade das cores e materiais usados na cabine (com direito a couro Nappa e madeira nas versões mais caras), as portas sem molduras para as janelas, os faróis escondidos em filetes no meio do para-choque e comandos táteis na base do miolo do volante.

Além disso, as lanternas traseiras costumam ter barras iluminadas interrompidas pelo logo da Zeekr, sempre iluminado. Isso meio que tem a ver com o nome: “Z” é de zero e “E” é de elétrico, enquanto “Kr” é o símbolo do criptônio, um gás que emite luz quando eletrificado, na tabela periódica. Haja criatividade!

Zeekr X
Zeekr X (Zeekr/Divulgação)

Todos os Zeekr são baseados na plataforma SEA, hoje compartilhada com a Volvo. Essa plataforma é a base para todos os carros da marca e é baseada em arquitetura de 800 V, mais moderna e que permite o uso de cabos menos grossos (portanto, mais leves e baratos) e recarga mais rápida.

A Zeekr não é e nem pensa em ser uma marca de volume no Brasil, mas está focada no objetivo de construir uma boa reputação entre os clientes de carros de luxo. Parte da estratégia para se tornar conhecida no Brasil estará nos preços competitivos.

Como é o Zeekr X

Zeekr X
Zeekr X (Zeekr/Divulgação)

Primo nerd do Volvo EX30, o Zeekr X já teve uma mudança em sua estratégia: a marca optou por não importar a versão com apenas um motor de 272 cv (mesmo do EX30) e chegar com a versão Privilege AWD.

Continua após a publicidade

Esta é a versão topo de linha, com um motor em cada eixo, totalizando 434 cv. Chega aos 100 km/h em 3,8 s e sua bateria de 66 kWh promete cerca de 400 km de alcance. O mais curioso é que seu preço inicial ficará abaixo dos R$ 300.000, sendo que o Volvo EX30 mais caro custa, hoje, R$ 293.950.

View this post on Instagram

A post shared by Quatro Rodas (@quatro_rodas)

Será uma briga boa pois, enquanto o Volvo de entrada segue uma série de estratégias para custar menos, o Zeekr X vai no sentido oposto: está repleto de materiais macios pela cabine, tem quadro de instrumentos digital, banco do carona reclinável com apoio para as pernas e ainda pode ter uma geladeira.

Zeekr X

Continua após a publicidade

Uma das características mais legais do carro, contudo, não será  vista no Brasil: a tela da central multimídia, com 14,6 polegadas, corre pelo painel para se tornar uma central de entretenimento para o carona. Como aqui não é permitido assistir vídeos com o carro em movimento na dianteira, a função será desabilitada.

Compartilhe essa matéria via:

Outro ponto importante é que o Zeekr X é maior que um EX30: só no entre-eixos são 10 cm, totalizando 2,75 m. No comprimento são 4,45 m contra os 4,23 m do SUV de linhagem sueca.

Como é o Zeekr 001

zeekr_001

O crossover Zeekr 001 será importado em três versões, Base, Premium e Flagship, com até 789 cv de olho nos clientes de Porsche Taycan, BMW i4 e Audi e-tron. Mas a promessa é por preço inicial entre os R$ 400.000 e R$ 450.000, bem abaixo do praticado pelas tradicionais fabricantes alemãs.

Na verdade, custará tanto quanto um Volvo XC60, que é um híbrido plug-in.

zeekr_001
(Zeekr/Divulgação)

A versão base tem rodas aro 21 e dois motores, um por eixo, que somam 544 cv e 71,4 kgfm. São números suficientes para ir de 0 a 100 km/h em 3,8 segundos como o Zeekr X. A autonomia seria de 580 km (WLTP) com sua bateria de 100 kWh de NMC.

Continua após a publicidade

As versões Premium e Flagship terão dois motores e um total de 789 cv e 82,6 kgfm, podendo alcançar os 100 km/h em 3,3 s com velocidade máxima de 240 km/h A bateria tem 100 kWh e permitiria autonomia de até 705 km (WLTP).

zeekr_001
(Zeekr/Divulgação)

A diferença da versão Flagship estaria nas rodas aro 22 e em detalhes do acabamento interno acompanhando a cor da carroceria, por exemplo. Mas todos terão materiais semelhantes, como Alcantara revestindo teto, colunas e parte das portas e bancos, dividindo espaço com nappa. Todos têm suspensão pneumática, com altura do solo variando entre 17 e 20 cm – altura de SUV.

zeekr_001
(Zeekr/Divulgação)

Os carros reestilizados ainda têm quadro de instrumentos com tela maior, de 13 polegadas, enquanto a central multimídia tem 15,6 polegadas e é fundamental para comandar todas as funções do carro, junto com os touchpads no volante. Ainda tem um head up display com projeção de 35,5 polegadas.

zeekr_001

Unidades com baterias de 95 kWh podem recarregar de 10 a 80% em 11,5 minutos e as de 100 kW fazem o mesmo em 15 minutos. Estes carros também podem recarregar outros carros elétricos a uma potência de 60 kW.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Quatro Rodas impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 14,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.