Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

São Paulo dá incentivo fiscal a fabricantes de carros híbridos e elétricos

Governo do Estado de São Paulo quer atrair até 20 bilhões em investimentos do setor automotivo até 2025

Por Henrique Rodriguez Atualizado em 30 mar 2022, 17h59 - Publicado em 30 mar 2022, 15h42

O Governo de São Paulo anunciou hoje o programa Pró Veículo Verde, que busca incentivar a produção de carros híbridos ou movidos a energia limpa no Estado.

Este programa assegura créditos de ICMS de até R$ 500 milhões para adaptar fábricas para a produção de carros movidos a energia limpa até 2025. A intenção é atrair até R$ 20 bilhões em investimentos nos próximos três anos.

Assine a Quatro Rodas a partir de R$ 9,90

O incentivo fiscal será oferecido às fabricantes que priorizarem a fabricação de veículos híbridos, elétricos ou movidos a biocombustíveis, com a intenção de amortizar os custos que a indústria automotiva terá para adaptar as linhas de produção já instaladas em São Paulo e também a construção de novas fábricas.

Há, também, uma flexibilização para ter acesso ao incentivo. O Pró Veículo Verde vai atender empresas que apresentarem investimentos de pelo menos R$ 15 milhões, quando no modelo tradicional de incentivo ao setor automotivo o valor investido teria que superar R$ 30 milhões.

Continua após a publicidade

Também reduziram o valor de créditos de ICMS a receber na adesão ao programa: a adesão poderá ser feita por fabricantes que tenham a partir de R$ 3 milhões de créditos de ICMS a receber, uma queda de 40% em relação ao piso de R$ 5 milhões.

“É uma política para estimular a transição verde no setor automotivo em São Paulo e no Brasil. Metade dos investimentos de mais de R$ 265 bilhões no estado de São Paulo nos últimos três anos vêm do setor automotivo e a ideia é estimular que isso seja feito de uma forma cada vez mais sustentável”, disse Patricia Ellen, Secretária de Desenvolvimento Econômico.

GWM Poer
Great Wall fabricará até picape híbrida em São Paulo a partir de 2023 GWM/Divulgação

O Governador João Doria apresentou nesta quarta-feira (30) o programa Pró Veículo Verde para atração de até R$ 20 bilhões em 3 anos na produção de carros híbridos ou movidos a energia limpa em São Paulo. O Estado vai oferecer até R$ 500 milhões em créditos do ICMS a montadoras que investirem em modelos sustentáveis.

Compartilhe essa matéria via:

O Governo de São Paulo lembrou que a chinesa Great Wall Motors confirmou neste mês um investimento de R$ 10 bilhões para produção de veículos eletrificados em Iracemápolis (SP). A produção na fábrica, comprada da Mercedes-Benz, começará em meados de 2023. Hoje, a Toyota já fabrica os Corolla e Corolla Cross híbridos em São Paulo.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Continue lendo, sem pisar no freio. Assine a QR.

Impressa + Digital

Plano completo da QUATRO RODAS! Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da QUATRO RODAS, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Comparativo entre os principais modelos do mercado.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.

Receba mensalmente a QUATRO RODAS impressa mais acesso imediato às edições digitais no App QUATRO RODAS, para celular e tablet.

a partir de R$ 14,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Acesso ilimitado ao Site da QUATRO RODAS, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Comparativo entre os principais modelos do mercado.

Tudo sobre as novidades automobilísticas do Brasil e do exterior.

App QUATRO RODAS para celular e tablet, atualizado mensalmente.

a partir de R$ 9,90/mês