Assine QUATRO RODAS por R$2,00/semana
Continua após publicidade

BYD testa clone elétrico do Toyota Corolla no Brasil, de olho nos taxistas

BYD Qin EV é sucessor direto do clone indiscutível do Toyota Corolla. Um pouco mais antigo, ele pode ser o elétrico ideal para taxistas no Brasil

Por Eduardo Passos
23 Maio 2024, 19h00

Hoje em dia, as marcas chinesas vêm apresentando tantas tecnologias revolucionárias que, aos poucos, o passado de tropeços e soluções estranhas vai ficando para trás. Mas a má fama que elas têm no Brasil não é por acaso, e nos lembra de tempo onde a China ainda estava muito longe das ocidentais.

A BYD não escapa dessa reputação e, se hoje é parceira da Toyota em modernos carros elétricos da linha bZ, antes literalmente copiava a japonesa. Mas acredite: uma evolução dessas cópias pode ser lançada em breve no mercado nacional.

Site Autos Segredos divulgou o BYD Qin Pro em testes no Brasil
Site Autos Segredos divulgou o BYD Qin EV em testes no Brasil (Reprodução/Autos Segredos)

Com dezenas de estreias previstas em seu plano de ser a terceira montadora que mais vende no Brasil, a BYD está testando o Qin EV nas ruas do país, como mostra as imagens do site Autos Segredos. A terceira geração do sedã elétrico foi mostrada no Salão de Pequim, no mês retrasado, mas quem viria é a geração anterior, de 2014. Isso facilitaria o preço na faixa de R$ 150.000, tornando-o especialmente útil para taxistas e motoristas de aplicativo.

Qin Pro é sucessor direto do BYD F3, que, acredite, é o carro da foto (ao invés de um Corolla)
Qin EV é sucessor direto do BYD F3, que, acredite, é o carro da foto (ao invés de um Corolla) (Divulgação/BYD)

No limite superior de tamanho para um sedã médio e com 450 litros de porta-malas, o Qin EV tem no espaço um de seus trunfos. Apesar de seis anos representarem tempo gigantesco para o atual ritmo de evolução dos carros elétricos, porém, o carro não faz feio em termos de alcance, que chega, no melhor dos casos, aos 400 km.

Fato de ser mais antigo pode permitir preços agressivos
Fato de ser mais antigo pode permitir preços agressivos (Divulgação/BYD)

A versão puramente elétrica traz motor dianteiro de até 136 cv e 18,3 kgfm. Mas há possibilidade de termos, ainda, o Qin híbrido, com carroceria também diferente e que une motor 1.5 aspirado ao elétrico e totaliza 172 cv e 25,0 kgfm. Esses números, entretanto, podem ser ajustados por conta do combustível nacional ou a fim de priorizar o consumo, por exemplo, que gira em torno dos 20 km/l nas diferentes especificações da China.

BYD Qin EV
(Divulgação/BYD)

Em ambos os casos, há cabine bem equipada, com central multimídia flutuante e quadro de instrumentos digital que, juntos, têm cerca de 15”. O console central pode lembrar os da Volkswagen e a decoração, em geral, tem aspecto sóbrio que pouco se parece com as ousadias da montadora nos dias atuais.

Continua após a publicidade
BYD Qin EV
(Divulgação/BYD)

Quem vê o Qin EV nem imagina que ele é um derivado do BYD F3. Esse é o nome dado ao carro que era basicamente uma cópia da nona geração do Toyota Corolla, apelidado de Corolla “Brad Pitt”. Em relação ao japonês, há meros retoques na dianteira e traseira, mas a reprodução foi tamanha que até as portas dos modelos são intercambiáveis entre si.

Testes indicam lançamento a caminho
Testes indicam lançamento a caminho (Reprodução/Autos Segredos)

O BYD F3 foi lançado em 2005, passou por uma reestilização para se distanciar do “irmão” e seguiu nas lojas até 2021, tendo sido exclusivamente dedicado às vendas diretas nos últimos anos. Ele foi descontinuado tanto pela idade quanto pelo nova fase da BYD, que teve no Qin híbrido um de seus primeiros eletrificados com a tecnologia DM-i, que equipa o Song Plus, por exemplo.

Em dez anos, muita coisa mudou. Entretanto, para se tornar uma generalista, a marca chinesa terá que recorrer a modelos simples e de volume, como o Qin EV. Nesse caso, será impossível não lembrar, ao menos levemente, um passado menos glorioso. 

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Quatro Rodas impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.