Longa Duração: as vantagens dos faróis de xenônio do Audi A3

Dentro da lei, faróis baixos de xenônio do Audi A3 são acompanhados de lavadores de alta pressão e ajuste automático do facho

Sem grandes novidades no último mês, o Audi A3 abre espaço para que possamos explorar suas virtudes: ele é o único da frota com faróis de xenônio e lavadores – equipamentos oferecidos de série em todos os A3.

Sobre a iluminação por descarga de gás, como é o caso do xenônio, a lei autoriza a utilização das lâmpadas apenas em veículos equipados com o item de fábrica. Porém, não é tão simples assim.

Outras determinações do Contran estabelecem que faróis baixos (com qualquer tipo de lâmpada) cujo fluxo luminoso exceda os 2.000 lúmens devem ser acompanhados de um sistema automático de lavagem, como é o caso do nosso Audi.

No entanto, os lavadores (que funcionam em conjunto com o esguicho do para-brisa) não foram pensados apenas para tirar a poeira das lentes depolicarbonato dos faróis, mas para dispersar o acúmulo de água ou eliminar a neve tão comum em países frios, que podem desviar a trajetória do facho. Não por acaso, os reservatórios ficam próximos de áreas quentes para que a água permaneça em temperatura mais alta.

O ajuste automático do facho em luzes de xenônio (que altera o ajuste conforme a carga do veículo) também é obrigatório, para evitar o ofuscamento de veículos que venham na mão contrária em áreas desniveladas ou em casos em que o veículo esteja carregado.

Na prática, o conjunto de faróis do A3 mostra seus benefícios em viagens noturnas. O editor Péricles Malheiros faz uma comparação com os faróis halógenos do Chevrolet Cruze LTZ da frota de Longa Duração:

“A diferença na iluminação em estradas é gritante, mesmo com o Cruze contando com recursos inexistentes no A3, como o farol alto automático. Por causa disso, o A3 acaba sendo a escolha preferida aqui na redação para quem vai viajar de noite”.

Audi A3 – 38.644 km

CONSUMO
No mês: 8,9 km/l com 21,8% de rodagem na cidade
Desde fevereiro de 2016: 8,4 km/l com 25,1% de rodagem na cidade
Combustível: etanol
GASTOS NO MÊS
Combustível: R$ 945
FICHA TÉCNICA
Versão: Ambiente 1.4 Turbo Flex
Motor: 4 cilindros, dianteiro, transv., 1.395 cm3, 16V, flex, 150 cv a 4.500 rpm, 25,5 mkgf a 1.500 rpm
Câmbio: aut., seq., 6 marchas
Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. Wallace Goldman Oliveira

    Se para o carro possuir faróis de xenônio o veículo precisa teros lavadores, como o Jeep Renegade oferece esse item em versões mais caras sem possuir o lavador?

  2. A regra do lavador foi só mais uma lei importada sem qualquer conhecimento e adaptação, ela só serve mesmo para tirar neve dos faróis (de fato é importante pois se acumula muita neve nestas condições e muito mais que poder ofuscar é devolver o poder de iluminação), poder de limpeza de sujeira e etc é conversa fiada.
    A lei que se refere aos 2000lumens também não se aplica visto que mesmo os modelos originais com faróis em Led que tem alto fluxo luminoso não utilizam ele e sem duvida emitem mais de 2000 lumens. Essa obrigação visa o xenon. Uma lâmpada comum hologeno emite em média 1300~1500lumens.

  3. Marcus Vinicius Zulzke

    Como pode estas carroças brasileiras que custam mais que R$ 100.000,00 não terem no mínimo um farol de Xenon. Tenho um C4 e um Bravo T Jet 2011 e os dois tem Xenon com limpador e ainda direcionáveis. Só brasileiro mesmo para pagar o que pagam por carroças!!!!!!!!