Clique e assine por apenas 8,90/mês

Range Rover Evoque 2016: o SUV que não parece SUV

Recém-reestilizado, modelo conserva qualidades que o tornaram um sucesso de vendas

Por Vitor Matsubara - Atualizado em 23 nov 2016, 20h29 - Publicado em 26 jan 2016, 16h28
Range Rover Evoque 2016 1
Mudanças mais profundas foram realizadas na dianteira

Assim como ocorre com as pessoas, o tempo parece não passar para alguns carros. É o caso do Range Rover Evoque. Há cinco anos nas ruas, o SUV ainda é cobiçado como no dia em que estreou no Brasil. Talvez seja por isso que a Land Rover mexeu tão pouco no visual do modelo, que ganhou faróis com novas luzes de led, grade frontal inédita e para-choque redesenhado. Na traseira as mudanças foram ainda mais comedidas, limitando-se à disposição de luzes das belas lanternas. Completando o pacote de mudanças há novas rodas de liga leve, interior com bancos redesenhados e central multimídia com nova interface.

Range Rover Evoque 2016 4
Faróis e grade frontal foram redesenhados, assim como o para-choque

As atualizações parecem poucas para um carro lançado em 2011. Mas, para a sorte da Land Rover, elas são suficientes para manter o Evoque competitivo em seu segmento. Isso passa também pela reorganização das versões oferecidas no país, que agora são três: SE, SE Dynamic e HSE Dynamic (cedida para nossa avaliação). São duas as opções de motorização: 2.0 Si4 de 240 cv e 2.2 turbodiesel de 190 cv, ambos acoplados à eficiente transmissão automática de nove marchas fornecida pela ZF.

Range Rover Evoque 2016 2
Linhas ousadas assinadas por Gerry McGovern ainda chamam atenção

Quem nunca dirigiu um Evoque certamente se surpreende com seu comportamento diferente da maioria dos SUVs que povoam as cidades. No caso das versões com motor a gasolina, as acelerações são vigorosas e a estabilidade é exemplar para um utilitário-esportivo. Embora seja o modelo mais barato da Range Rover (espécie de divisão de modelos de luxo da Land Rover), o Evoque esbanja luxo, com materiais de alta qualidade no acabamento interno. O SUV, no entanto, não ignora a valentia característica da Land Rover, enfrentando obstáculos com a ajuda do Terrain Response, que oferece até cinco opções de configuração adaptadas a lama, cascalho e areia, entre outros.

Range Rover Evoque 2016 (interior)
Bem-acabado e confortável, interior é aconchegante

Opcionalmente são oferecidos quatro pacotes de equipamentos, que podem ser combinados de acordo com a versão escolhida. Entre os itens estão estacionamento autônomo em vagas paralelas e perpendiculares, frenagem autônoma de emergência, alerta de mudança de faixa involuntária, sistema de entretenimento com visão dupla, faróis adaptativos, câmera com visão 360 graus, head-up display e TV digital. A versão avaliada, HSE Dynamic, sai por R$ 256.900 – as opções SE Dynamic e SE custam R$ 223.900 e R$ 209.900, respectivamente.

Range Rover Evoque 2016 (central multimídia)
Central multimídia ganhou nova interface

Depois de cinco anos, obviamente o Evoque já virou figura fácil pelas ruas. Mas isso não significa que o modelo esteja perto da aposentadoria. O SUV ainda é uma das melhores compras para quem procura um utilitário esportivo moderno, confortável e bem-equipado. E se depender da Land Rover o Evoque ainda tem muita lenha para queimar: a exótica versão conversível está confirmada para desembarcar no Brasil ainda em 2016, possivelmente alguns meses após o início da produção local das versões “com teto”, agendada para começar no primeiro trimestre deste ano em Itatiaia (RJ). 

Range Rover Evoque 2016 5
Desenho dos faróis torna o Evoque inconfundível

Range Rover Evoque 2016 6
Rodas de liga leve também são novas

Range Rover Evoque 2016 7
Linha 2016 traz três versões, com preços variando de R$ 209.900 a R$ 256.900

Continua após a publicidade
Publicidade