Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Longa Duração: Mitsubishi Outlander diesel usado é disputado nas lojas

Próximo dos 60.000 km e do desmonte, avaliamos como está o prestígio do Outlander com motor 2.2 turbodiesel nas concessionárias e multimarcas

Por Henrique Rodriguez Atualizado em 20 jan 2021, 22h08 - Publicado em 21 jan 2021, 07h30
Outlander na Brabus: loja realmente queria comprar o carro
Outlander na Brabus: loja realmente queria comprar o carro Eduardo Campilongo/Quatro Rodas

Chegou a hora de iniciar os ritos de despedida do Mitsubishi Outlander, justamente pela avaliação de como ele está cotado no mercado de usados – tanto por concessionárias da marca japonesa como por lojas multimarcas de São Paulo.

Nosso Outlander fazia parte de um lote de algumas unidades compradas por uma das áreas de promoção da Editora Abril. Ficamos com uma para o teste e, por isso, consideraremos o preço de tabela na época: R$ 212.990.

Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 7,90

Nas multimarcas, começamos pela Pró-Auto, que ofereceu R$ 130.000 na troca por um carro do estoque, mesma proposta da 827 Multimarcas. Já a GS Car ofereceu R$ 146.000 no nosso modelo.

Passamos, então, às concessionárias concorrentes. Na Caoa Chery de Santana, ofereceram R$ 135.000 na troca por um Tiggo 8, também de sete lugares, de R$ 168.600. Na Volkswagen Marte, a oferta foi de R$ 130.000 na troca por um Tiguan 2.0 R-Line, de R$ 207.451. A pior proposta foi da Jeep Sinal de Alphaville: R$ 125.000 na troca por um Compass S turbodiesel, de R$ 199.990.

Continua após a publicidade

Dentro de casa, as ofertas começaram em R$ 130.000 na troca por um Outlander novo na Mitsubishi Cardinal, passando a R$ 135.000 na MegaMit de Guarulhos. Já a Brabus da Vila Leopoldina ofereceu R$ 140.000 na compra, sem troca. O vendedor já queria ficar com o carro, tamanha é a procura, segundo ele. Desta vez, nenhum avaliador reclamou da quilometragem, uma vantagem do diesel.

A melhor proposta ficou 26,4% abaixo da Fipe (R$ 156.752). Contudo 12,2% acima do apurado como valor de troca pela KBB (os R$ 130.068), que considera o estado e a quilometragem do veículo, e também aponta valores individuais de venda a particulares (R$ 140.791) e por revendedores (R$ 148.202). O Outlander realmente parece bem quisto e faríamos um excelente negócio!

Mitsubishi Outlander – 55.343 km

Ficha técnica:
Versão: 2.2 Turbodiesel HPE-S
Motor: 4 cilindros, dianteiro, transversal, 16V, 165 cv a 3.500 rpm, 36,7 mkgf a 7.500 rpm
Câmbio: Automático de 6 marchas, tração 4×4
Seguro: R$ 3.750 (Perfil Quatro Rodas)
Revisões: Até 60.000 km – R$ 8.404
Gasto no mês: Combustível: R$ 729,51
Consumo: No mês: 11,9 km/l com 39,1% de rodagem na cidade
Desde set/19: 12,0 km/l com 29,9% de rodagem na cidade
Combustível: Diesel S10

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

Quatro Rodas capa 741

 

Continua após a publicidade
Publicidade