Clique e Assine QAUTRO RODAS por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Nova Montana: Chevrolet manterá nome em picape rival da Fiat Toro

Terceira geração da Chevrolet Montana será completamente diferente: terá cabine dupla, motores turbo e câmbio automático pela primeira vez

Por Henrique Rodriguez Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 29 jun 2021, 22h27 - Publicado em 28 jun 2021, 21h33
Nova Montana
Noca Chevrolet Montana terá apenas carroceria com cabine dupla (Du Oliveira/Quatro Rodas)

A Chevrolet Montana não morreu! Bem, pelo menos o seu nome seguirá vivo por mais alguns anos com a nova picape intermediária e com cabine dupla que a Chevrolet planeja lançar no fim do ano para concorrer entre as picapes intermediárias.

Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 8,90

A confirmação do nome foi feita pelo presidente da GM para a América do Sul, Carlos Zarlenga, em vídeo. O anúncio ajuda a renovar os ânimos dos concessionários Chevrolet, que vêm sofrendo com a falta de carros novos para vender desde que a empresa paralisou a produção dos seus carros mais vendidos por falta de componentes eletrônicos.

A nova Montana também será produzida na fábrica de São Caetano do Sul (SP) e a General Motors tem aproveitado a paralização na produção por conta da falta de semicondutores para adaptar as linhas de produção para a nova geração da picape, que será completamente diferente das gerações anteriores, lançadas em 2003 e 2011.

Continua após a publicidade

Faz menos de dois meses que a fabricante anunciou a produção da nova picape. Na ocasião, a GM disse que ela seria complementar na linha Chevrolet, o que já antecipava que ela não teria uma versão com cabine simples para brigar com as picapes mais baratas.

Teaser da nova Chevrolet Montana
Teaser da nova Chevrolet Montana (Reprodução/Chevrolet)

Também não ameaçaria a vida da Chevrolet S10, mas suas versões com motor 2.5 flex já não fazem muito sentido e podem dar lugar às versões mais baratas na nova Montana.

A nova Chevrolet Montana será justamente uma picape intermediária e com cabine dupla, seguindo o conceito que deu muito certo para a Fiat Toro, mas nem tanto para a Renault Oroch.

Chevrolet Tracker Premier 1.2 2021
Picape deverá aproveitar o motor 1.2 turbo de 132 cv do Tracker Premier (Christian Castanho/Quatro Rodas)

A propósito, a nova picape da Chevrolet terá porte equivalente ao da picape da Renault. Será o maior modelo baseado na plataforma GEM (mesma de Onix e Tracker), com aumento significativo do entre-eixos, chegando aos 2,80 m (o Tracker tem 2,57 m), e com ganho discreto na largura. A Oroch tem 2,83 m de entre-eixos; a Fiat Strada 2,73 m e a Fiat Toro, 2,99 m.

Algumas características ajudarão a reduzir seu preço. A suspensão traseira será por eixo de torção, em vez de um conjunto independente multilink como há na Toro e na Oroch. Isso porque a plataforma GEM não prevê tração 4×4 ou integral – que na picape Renault existe apenas para exportação.

O motor 1.2 Turbo de 132 cv, hoje presente apenas na versão topo de linha do Tracker, será padrão na picape. Mas o 1.0 de 116 cv e 16,8 kgfm também poderia ser usado. A picape terá opções de câmbio manual e automático, ambos com seis marchas.

Continua após a publicidade

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital

Capa de QUATRO RODAS 746

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Quatro Rodas impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 14,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.