Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Vídeo: confira as vantagens e desvantagens do Chevrolet Tracker

Listamos cinco aspectos favoráveis e cinco desfavoráveis do quarto SUV mais vendido do Brasil. Assista!

Por Isadora Carvalho Atualizado em 14 jan 2021, 17h01 - Publicado em 14 jan 2021, 17h00

O Chevrolet Tracker contribuiu (e muito) para a liderança da Chevrolet no mercado brasileiro, afinal com 49.372 unidades emplacadas, o modelo encerrou o ano de 2020 como o quarto SUV mais vendido do país. 

Clique aqui e assine Quatro Rodas por apenas R$ 7,90

Após apenas seis meses de mercado, o Tracker teve reajuste nos preços e também na disponibilidade das versões. O inédito motor 1.2 turbo passou a ser oferecido apenas na versão topo de linha: Premier.

Todas as outras versões agora têm o motor 1.0 turbo que rende até 116 cv e 16,8 kgfm de torque. Para te ajudar a decidir se o SUV da Chevrolet é uma boa compra elencamos cinco vantagens e cinco desvantagens. Confira o nosso vídeo.

A terceira geração do modelo foi lançada em março de 2020 e é exatamente por essa atualização recente que o SUV tem design agradável e moderno que o credencia a concorrer no segmento mais disputado do país.

Continua após a publicidade

Entre os outros atributos é possível destacar também o bom espaço interno que abriga com conforto passageiros com mais de 1,80 metro e o bom pacote de equipamentos.

Na versão topo de linha, Premier, há seis airbags, alerta de colisão frontal, ar condicionado digital, carregador por indução e central multimidia My Link de 8 polegadas com Wi-Fi embarcado – é o único da categoria a oferecer internet a bordo, mesmo cobrando uma mensalidade pelo serviço.

Todas as vantagens e desvantagens estão descritas e explicadas no vídeo. Aperte o play e não deixe de conferir!

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

Capa Quatro Rodas 740

 

Continua após a publicidade
Publicidade