Vídeo: Alfa Romeo Giulia Quadrifoglio bate recorde em Nürburgring

Sedã baixou o tempo do Porsche Panamera e completou o circuito alemão em 7 minutos e 32 segundos, novo recorde para sedãs

Alfa Roneo Giulia Quadrifoglio Alfa Roneo Giulia Quadrifoglio

Alfa Roneo Giulia Quadrifoglio  (Divulgação/Alfa Romeo)

O Alfa Romeo Giulia Quadrifoglio é o novo recordista entre os sedãs em Nürburgring Nordshleife. Com o tempo de 7 minutos e 32 segundos, ele baixou em seis segundos a marca obtida poucas semanas atrás pela nova geração do Porsche Panamera Turbo.

LEIA MAIS:

>> Comparativo: BMW M3 x Mercedes-AMG C 63 S

>> CEO da Bugatti acelera Chiron a mais de 300 km/h em Nürburgring

>> Grandes Brasileiros: Alfa Romeo 2300 ti4

Quem pilotou o carro foi o piloto italiano Fabio Fancia, que levou o sedã a mais de 280 km/h numa das principais retas da pista e fez misérias arrepiantes nas curvas e mudanças de elevações do famoso circuito.

Com um conjunto digno de superesportivo, o Giulia Quadrifoglio é equipado com um motor V6 2.9 biturbo de 510 cv e ajustado pelos engenheiros da Ferrari. Tem tração traseira, distribuição de peso bem equilibrada (50% da frente e 50% atrás), acelera de 0 a 100 km/h em apenas 3,9 segundos e atinge a máxima de 307 km/h.

Confira o vídeo abaixo – simplesmente uma das melhores gravações onboard já feitas no Inferno Verde:

 

Para se ter uma ideia, o tempo obtido pelo Giulia é mais baixo que o do Lexus LFA (7min38s) e Pagani Zonda F (7min33s)!

Certamente ajudaram na obtenção da nova marca a sofisticada geometria de suspensão, com braços duplos na dianteira e multilink na traseira, e os sistemas de diferencial ativo e vetorização de torque no eixo traseiro. Os pneus Pirelli P Zero Corsa foram feitos sob medida nos tamanhos 245/35R-19 na frente e largos 285/3-R-19 atrás.

Os freios utilizam discos de cerâmica, e integram o chamado Integrated Brake System, um sistema que combina controle de estabilidade e servo-freio para respostas instantâneas, com menos vibração. Os italianos também cravam que o Giulia QV possui “a direção mais direta do mercado”.

Tudo isso é controlado pelo Chassis Domain Control (CDC), uma espécie de cérebro dinâmico do carro que genencia desde a vetorização de torque até o difusor de ar dianteiro ativo (capaz de alterar a geração de downforce em altas velocidades), passando pelo ajuste de suspensão e do controle de estabilidade.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s