Vendas de carros populares com câmbio automático disparam

Câmbio automático faz sucesso entre modelos de entrada: crescimento passa de 300%

Tudo no mundo está em constante mudança, inclusive o perfil do consumidor. Para o brasileiro, porém, a única mudança cada vez mais indesejada é a de marchas.

Por isso, mesmo nos segmentos de entrada, a participação da transmissão automática – ou automatizada – vem crescendo: em alguns casos, o crescimento ultrapassa os 300%.

Segundo dados da consultoria Jato, as vendas do Onix com câmbio automático subiram 337% no primeiro semestre de 2016 em relação ao mesmo período de 2014. A participação do equipamento em todas as unidades vendidas (67.031 e 68.555, respectivamente) passou de 3% da linha Onix para 14% (ou de 1.963 para 8.584).

No Prisma, que passou de 8% para 26% do mix, o aumento foi de 165% (4.961 carros a mais).

No HB20, apesar do crescimento e da participação menores, o número absoluto de vendas é maior do que na dupla Onix/Prisma. Com 15.373 unidades, os HB automáticos representam 27% do mix – aumento de 39% em relação a 2014. No caso do sedã, já há mais automáticos do que manuais: 51% dos 22.979 comercializados neste primeiro semestre.

Até modelos mais recentes sentiram a mudança. Lançados há cinco meses, os Nissan March e Versa CVT já representam 25% e 50% do mix, respectivamente. O Toyota Etios surpreende ainda mais: em sete meses, o hatch automático já tem 54% de participação e o sedã, 70%.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. Ricardo Augusto Menezes

    Já tive carro automático. Para quem está no trânsito urbano e tem pressa, haja paciência na retomada.

  2. Jackson Diógenes Neves Mourão

    Pior é ter que enfrentar engarrafamento com o cambio manual. Cansa a perna que só vendo. ¬¬

  3. Rafael Garnica

    Demora na retomada se você não souber usar o câmbio ou priorizar a economia de consumo… e o jackson está certo. Vlw. Flws.

  4. Gabriel Medeiros

    Cansa a perna… frango… rsrs

  5. André Binenbojm

    Pressa no transito não combina muito. Quase sempre provoca acidentes. Então prefiro sair um pouco mais cedo e aproveitar o conforto que um câmbio automático/automatizado pode me proporcionar. Já planejo a compra do meu próximo carro e esse item será imprescindível…

  6. Tenho habilitacao ha quase 40 anos, estou sempre com pressa no transito e nunca me envolvi em acidentes… E retomada rapida depende muito do carro e do motorista (que precisa saber fazer reduzida apenas nos pedais), experimente um Ford Focus, por exemplo…