Clique e assine por apenas 5,90/mês

Veja as condições imperdíveis que surgiram durante a pandemia da Covid-19

Marcas estão fazendo de tudo para fechar a venda de carros novos durante o isolamento social – até assumir parcelas

Por Gabriel Aguiar - Atualizado em 27 jul 2020, 21h41 - Publicado em 28 jul 2020, 07h00
Chevrolet prorrogou as primeiras prestações dos financiamentos em 120 dias Fernando Pires/Quatro Rodas

Quem decidiu trocar de carro durante o isolamento da Covid-19 fez bom negócio. E nem estamos falando da oportunidade que surgiu antes dos aumentos por conta da alta do dólar, mas das ofertas que rolaram. Afinal, nada mal aproveitar taxas de juros menores, pagamento só para 2021 e até se livrar das parcelas, né?

Quer ter acesso a todos os conteúdos exclusivos de Quatro Rodas? Clique aqui e assine com 64% de desconto.

Enquanto a Chevrolet prorrogou as primeiras prestações em 120 dias, a Fiat adiou a dívida para o ano que vem com descontos de até R$ 8 mil. Já a VW, além de “postergar boletos” até 2021, garantiu as seis primeiras parcelas a R$ 99, com revisões grátis e taxa 0% em alguns casos. E a Ford reduziu os valores das mensalidades até dezembro e adotou carência de 90 dias.

Achou essas propostas agressivas? A Nissan atrasou a cobrança do financiamento em 12 meses e ofereceu descontos de até R$ 28 mil! A Renault também baixou o preço e deu até R$ 8 mil de bônus. A Hyundai, por sua vez, tem desconto para Creta e HB20, pagamento para 2021, HB20X com taxa 0% e HB20S com preço de hatch.

Chery Tiggo 2
Tiggo 2 teve bônus de até R$ 5.500 durante a pandemia divulgação/Chery

Além de protelar parcelas até o ano que vem e baixar preços, Citroën e Peugeot supervalorizam o usado. Os bônus da Caoa Chery chegaram a R$ 5.500 e o pagamento foi adiado em 150 dias. A Toyota passou a oferecer Corolla, Yaris e Yaris Sedan com início do financiamento balão para 2021 e as quatro primeiras parcelas por conta da marca.

Mitsubishi assumiu parcelas de quem levasse um Eclipse Cross Leo Sposito/Quatro Rodas

E a Mitsubishi também decidiu assumir as cinco primeiras prestações de Pajero Sport e de Eclipse Cross. Enquanto os Jeep Compass e Renegade tiveram abatimento de até oito parcelas, pagamentos após 120 dias e desconto de até 42,6% nas configurações PcD – já com a isenção de IPI.

Boa parte das promoções tinha data para acabar. Mas se você não conseguiu aproveitar a tempo, é só ficar de olho nas novidades. Dependendo do mercado, pode acontecer de novo.

Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da edição de maio da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

Continua após a publicidade
Publicidade