Clique e Assine QAUTRO RODAS por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Porsche Mission X pode passar de 1.500 cv e mira recorde do AMG One

O conceito elétrico promete ter boa aerodinâmica e uma relação peso potência de um para um, tudo isso para se tornar recordista em Nürburgring

Por João Vitor Ferreira
12 jun 2023, 14h18

O Porsche Mission X é o novo conceito de hipercarro elétrico da montadora alemã. Com ambições ousadas, a Porsche mira o topo com esse carro e pretende atingir com ele a relação perfeita de 1 cv para cada quilo, além de bater o atual recorde para um veículo de rua em Nürburgring, na Alemanha.

Se o otimismo da montadora condizer com a realidade, é provável que o Mercedes-AMG One, atual detentor do recorde, terá um adversário e tanto. Afinal, o que parece é que a Porsche não quer apenas lançar um novo hipercarro, mas se restabelecer como a principal montadora de carros esportivos do mundo.

Porsche Mission x
(Divulgação/Porsche)

Para isso, eles tiveram que buscar inspiração em seus antigos campeões. Como a própria marca afirma, o Mission X traz muito de carros como o 918 Spyder, esportivo híbrido que foi o primeiro a quebrar a marca de sete minutos em Nürburgring —  e ex-recordista de velocidade de QUATRO RODAS —, o Carrera GT e o clássico 959.

Dos dois primeiros e mais recentes, o Mission X herda a distância entre eixos: 2,73 m. Mas as outras dimensões e seu visual elegante, o transformam em um carro totalmente diferente. São 4,59 m de comprimento, 1,99 m de largura e 1,19 m de altura, desse modo, sendo mais curto, porém mais alto e largo do que o 918 Spyder. 

Continua após a publicidade
Porsche Mission x
(Divulgação/Porsche)

Ainda não temos informações sobre o peso, mas é interessante ver as medidas da Porsche para deixar seu conceito o mais leve possível. A principal delas está na cúpula da cabine. Piloto e passageiro são protegidos por uma cúpula ultraleve de vidro com um exoesqueleto feito de fibra de carbono e plástico reforçado.

Porsche Mission x
(Divulgação/Porsche)

Suas linhas são feitas para melhorar a aerodinâmica mas, ao mesmo tempo, dão um toque de sofisticação para mesclar com a esportividade. Na frente, os faróis são uma reinterpretação das clássicas luzes de quatro pontos da montadora, mas feito em barras e dispostos na vertical. Já na traseira, ele traz uma barra luminosa estreita, que no meio é separada pela pela palavra “Porsche”, também iluminada.

Compartilhe essa matéria via:

As rodas são de tamanhos diferentes: 20’’ na frente e 21’’ atrás. A Porsche afirma que isso é para melhorar a aerodinâmica, uma vez que o objetivo é superar “significativamente” o downforce do 911 GT3 RS, que é de 886 kg aos 285 km/h. Outro detalhe é que no eixo traseiro elas são equipadas com hélices quase transparentes, que geram um efeito de turbina para resfriar os freios.

Continua após a publicidade

Porsche Mission x

Por dentro, o motorista é o foco e isso é destacado pela cor dos bancos. Além do marrom, que predomina em todo o ambiente, o assento do condutor tem também a cor branca, assim como o volante aberto, cheio de interruptores e com shift paddles para troca de marchas, como nos carros de corrida.

Outro detalhe é que a cabine traz câmeras para gravação interna e uma interface opcional de cronômetro, com mostradores digitais e analógicos.

Continua após a publicidade
Porsche Mission x
(Divulgação/Porsche)

Embora as promessas para o Mission X sejam ousadas, quase nada foi falado sobre sua motorização. A certeza é de que ele terá um sistema elétrico de 900 volts e um carregamento ainda duas vezes mais rápido que o do Porsche Taycan, que pode levar apenas 22,5 minutos para ter uma carga de 5% a 80% em uma coluna de carregamento de 800 volts com pico máximo de até 270 kW.

Outro detalhe retirado do Taycan é a posição da bateria, montada atrás dos assentos, para melhorar a distribuição de peso.

Continua após a publicidade
Porsche Mission x
(Divulgação/Porsche)

Sobre a potência, também nada foi dito. Mas jornalistas europeus especulam que ele terá 1.521 cv e, caso a Porsche consiga cumprir o objetivo de 1 cv por quilograma, o Mission X terá exatos 1.521 kg. Isso faz dele cerca de 400 cv menos potente do que o Rimac Nevera, por exemplo, mas também quase 500 kg mais leve que o hiperesportivo elétrico.

Por hora, o Mission X trata-se apenas de um conceito. Mas o carro parece estar praticamente pronto para produção e a montadora não parece esconder seu desejo de lançá-lo o quanto antes. Anteriormente, Oliver Blume, CEO da Porsche já havia deixado claro o interesse da marca e lançar um hipercarro, mas que não o veríamos antes de 2025.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Quatro Rodas impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 14,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.