Clique e assine com até 75% de desconto

Peugeot Landtrek estreia no México barata, equipada e com motor de 210 cv

Motor 2.4 turbo a gasolina de 210 cv tem opção de câmbio manual ou automático de seis marchas, e tração da VW Amarok

Por Igor Macário Atualizado em 19 nov 2020, 19h58 - Publicado em 19 nov 2020, 19h57
Landtrek tem visual que remete a compactos da Peugeot DIvulgação/Peugeot

Com lançamento previsto para o Brasil, a picape média Peugeot Landtrek teve seus preços e versões divulgados no México antes mesmo da apresentação oficial. A despeito do motor a gasolina, ela consegue se destacar pelos equipamentos de série.

A picape mede 5,30 metros de comprimento, mesmo porte de rivais consagradas como Toyota Hilux e Chevrolet S10. As especificações do motor chamam atenção, por se tratar de um quatro cilindros turbo de 2,4 litros com 210 cv. Ele pode ser acoplado a um câmbio manual ou automático, ambos de seis marchas.

A Black Friday já começou na Quatro Rodas! Clique aqui e assine por apenas R$ 5,90

As três versões mexicanas têm itens como airbags laterais e de cortina, ajuste elétrico do banco do motorista e central multimídia com tela de 10 polegadas. As versões mais caras têm ar-condicionado automático, rodas de 18 polegadas e sistema de câmeras 360°.

Picape média da Peugeot foi desenvolvida em parceria com a fabricante chinesa Changan Divulgação/Peugeot

Apenas a versão de topo, chamada de 4 Action, terá tração integral com opção de bloqueio do diferencial traseiro (sistema semelhante ao das Amarok com câmbio automático), e poderá levar 1.050 kg na caçamba. As Allure manual e automática podem levar 1.120 kg no compartimento traseiro, e têm apenas tração traseira.

A capacidade de carga é menor que a da velha Peugeot 1,3 tonelada, vendida no Brasil na década 1990, mas é ligeiramente superior às principais concorrentes de hoje.

  • Versões mais completas contarão com sistema de visão externa com câmeras 360º para detecção de obstáculos Divulgação/Peugeot

    Como tem apenas motor a gasolina, a Landtrek deverá ser voltada para o uso em lazer no mercado mexicano. Por aqui, a picape usará um motor 1.9 turbodiesel com 150 cv, fraco, mas com mais apelo no segmento de picapes médias. As rivais Hilux e S10 já ultrapassaram os 200 cv nas versões a diesel.

    No México, a Landtrek custará o equivalente a R$ 133.000 na versão de entrada Allure com câmbio manual. A de topo 4 Action, automática 4×4, sai por R$ 167.000. Por aqui, a picape é aguardada apenas para 2022.

    Não pode ir à banca comprar, mas não quer perder os conteúdos exclusivos da Quatro Rodas? Clique aqui e tenha o acesso digital.

    Arte/Quatro Rodas
    Continua após a publicidade
    Publicidade