Clique e assine por apenas 5,90/mês

Nissan Versa antigo muda de nome para abrir espaço à nova geração

Nissan manterá antigo Versa em produção para não perder mercado mexicano. Mas agora, veterano sedã compacto se chamará V-Drive

Por Renan Bandeira - 8 out 2019, 16h07
Nova linha do Nissan Versa eleva preço do sedã que pode perder reinado no México Divulgação/Nissan

Será que tem carro novo da Nissan vindo aí? No México já há duas novidades. A primeira surgiu na última semana, quando a marca japonesa apresentou a nova geração do Versa.

O sedã compacto mudou radicalmente o visual e ganhou melhorias em equipamentos de segurança, mas viu seu preço subir de menos de 200.000 para 239.900 pesos mexicanos (cerca de R$ 50.000).

Com medo de perder mercado, por conta do valor alto da linha 2020 do veículo mais vendido do México, a marca decidiu manter o velho Versa (também vendido no Brasil) no catálogo, mas agora sob outro nome: V-Drive.

Velho Versa seguirá no mercado mexicano mas como V-Drive Acervo/Quatro Rodas

A movimentação da marca japonesa foi parecida com o que a Chevrolet fez por aqui no passado ao transformar Corsa em Celta e Corsa Sedan em Classic, e mais recentemente este ano ao transformar Prisma em Onix Plus e Prisma Joy em Joy Plus.

A última versão do carro e “novo” V-Drive disponibiliza os mesmos equipamentos do sedã equivalente no Brasil.

O veículo tem airbags para motorista e passageiro, freios ABS com EBD e assistência de frenagem (BA) e também a direção elétrica progressiva (presente a partir da versão 1.6 S por aqui).

Continua após a publicidade

Para a linha 2020, no México, o V-Drive terá duas versões com motor 1.6 de 107 cv e câmbio manual de seis marchas. Outros detalhes são: rodas de 15 polegadas, sistema de ancoragem Isofix e porta-malas de 460 litros.

A diferença é que a topo de linha, V-Drive MT, vem com todos os equipamentos da versão básica mais o ar-condicionado e será vendida por 201.700 pesos (cerca de R$ 42.000). A versão de entrada custará 189.700 pesos (cerca de R$ 39.500).

Será que o nome será adotado pelo Versa nacional? Por enquanto, a divisão brasileira da marca desconversa sobre o assunto, resumindo-se a dizer que “ainda não tem nenhuma atualização a respeito”.

Vale observar que o novo Versa será trazido ao Brasil importado justamente do México

 

 

Continua após a publicidade
Publicidade