Clique e assine com até 75% de desconto

MAIO AMARELO: a equipe de QUATRO RODAS foi para a rua

Em ação de apoio ao mês dedicado à Segurança no Trânsito, fomos fazer nossa parte para conscientizar as pessoas de que todos somos o trânsito

Por Redação Atualizado em 25 Maio 2018, 15h20 - Publicado em 25 Maio 2018, 14h56
QUATRO RODAS faz ação na rua pela campanha do Maio Amarelo Fernando Pires/Quatro Rodas

A equipe de QUATRO RODAS foi às ruas para apoiar o movimento Maio Amarelo e conscientizar motoristas e pedestres sobre a importância da segurança no trânsito.

Em ação na avenida Paulista, em São Paulo, os jornalistas que fazem a QUATRO RODAS distribuíram panfletos e exibiram uma faixa para chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito em todo o mundo.

Quatro Rodas - Maio Amarelo
Da esquerda para a direita, Rodrigo Ribeiro, Henrique Rodriguez, Zeca Chaves, Ulisses Cavalcante, Paulo Campo Grande e Eduardo Campilongo Fernando Pires/Quatro Rodas

Na edição de maio, QUATRO RODAS abordou as causas dos acidentes no Brasil, a evolução da segurança dos carros brasileiros e como o Brasil pode seguir o exemplo do Japão para reduzir o número de mortes no trânsito.

  • Mas para nossa equipe não basta colocar o assunto em pauta. Ir às ruas e estimular a participação da população é fundamental para a conscientização não só dos motoristas, mas também de ciclistas e pedestres.

    A taxa de acidentes causados diretamente pelo jeito como dirigimos chega a quase 65%, segundo dados do Programa Volvo de Segurança no Trânsito (PVST).

    Quatro Rodas - Maio Amarelo
    As boas atitudes no trânsito dependem do motorista… Fernando Pires/Quatro Rodas
    Quatro Rodas - Maio Amarelo
    …e do pedestre Fernando Pires/Quatro Rodas

    Já de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), praticamente 90% dos acidentes são causados por fator humano. Os outros 10% têm relação com sinalização e manutenção, o que também envolve o fator humano.

    Maio foi escolhido porque foi em 11 de maio de 2011 que a ONU decretou a Década de Ação para Segurança no Trânsito. Mas as boas atitudes no trânsito precisam durar o ano todo. 

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade